Presidentes regionais comemoram 64 anos do Partido Trabalhista Brasileiro

PTB Notícias 14/05/2009, 13:42


O Partido Trabalhista Brasileiro completa, nesta quinta-feira, 14 de maio, 64 anos de existência.

Fundado pelo presidente Getúlio Vargas em 14 de maio de 1945 e registrado no dia 15 de maio, o PTB ficou caracterizado pela luta a favor dos direitos dos trabalhadores brasileiros.

Entre elas, a Consolidação das Leis do Trabalho – CLT, fruto do pensamento trabalhista emergente à época e que ainda hoje se mantém atual.

Atualmente presidido por Roberto Jefferson, o PTB possui mais de um milhão de filiados e conta com sete senadores, 24 deputados federais e 60 deputados estaduais, além de dezenas de prefeitos e vice-prefeitos e centenas de vereadores.

Leia abaixo as mensagens dos presidentes regionais do PTB, por ocasião do aniversário do partido: v:* {behavior:url(#default#VML);} o:* {behavior:url(#default#VML);} w:* {behavior:url(#default#VML);} .

shape {behavior:url(#default#VML);} Normal 0 21 false false false MicrosoftInternetExplorer4 /* Style Definitions */ table.

MsoNormalTable {mso-style-name:”Tabela normal”; mso-tstyle-rowband-size:0; mso-tstyle-colband-size:0; mso-style-noshow:yes; mso-style-parent:””; mso-padding-alt:0cm 5.

4pt 0cm 5.

4pt; mso-para-margin:0cm; mso-para-margin-bottom:.

0001pt; mso-pagination:widow-orphan; font-size:10.

0pt; font-family:”Times New Roman”; mso-ansi-language:#0400; mso-fareast-language:#0400; mso-bidi-language:#0400;} (http://www.

ptb.

org.

br/_tinyimg/gimargello.

jpg) “Tenho muito orgulho de ser o líder do Partido Trabalhista Brasileiro, o mais antigo de todos.

É com muita alegria, satisfação e também com muita responsabilidade, que represento no Senado, a bancada mais honesta, séria, trabalhadora e coesa.

Somos o partido que mais crescerá nas próximas eleições: dos sete senadores, cinco ficarão até 2015.

É com muita honra, também, que ocupo, como líder do PTB, o lugar de políticos que fizeram história, como Sérgio Zambiasi e Epitácio Cafeteira, entre outros”.

Senador Gim Argello, líder do PTB no Senado Federal e presidente do PTB/DF.

(http://www.

ptb.

org.

br/_tinyimg/armandomonteiro.

jpg) “O PTB sempre foi um partido com propostas e projetos inovadores.

Foi assim que nesses 64 anos de existência consolidou-se como uma das mais importantes legendas do País.

A valorização do trabalho, a luta pela industrialização nacional, a instituição da previdência social e a conquista do direito da mulher ao voto são alguns dos destaques da contribuição petebista à vida nacional.

O PTB está, portanto, intimamente ligado às principais conquistas do povo brasileiro.

Como presidente estadual do PTB de Pernambuco, quero homenagear aqui cada cidadão que acredita em nosso trabalho e todos aqueles que fizeram e fazem da legenda um patrimônio da política de nosso País”.

Deputado federal Armando Monteiro Neto, presidente da CNI e presidente estadual do PTB/PE (http://www.

ptb.

org.

br/_tinyimg/eduardoseabra.

jpg) “Não existe na história política do Brasil tamanha singularidade comparável a trajetória do Partido Trabalhista Brasileiro-PTB .

Fundado por Getúlio Vargas em 1945 e tendo por principal teórico o Filósofo Alberto Pasqualini,nosso Partido foi o condutor das mais profundas e efetivas reformas no cenário político nacional.

Não seria injusto dividir-se a história política brasileira em “antes” e “depois” da criação do PTB.

Nascido junto com uma nova Constituição (1946) a criação do Partido Trabalhista Brasileiro veio ao encontro dos anseios de uma Nação que clamava por um sistema político capaz de dar suporte ao seu desenvolvimento e que ao mesmo tempo garantisse a regulamentação dos direitos essenciais da classe trabalhadora.

Após sua criação, o PTB foi o Partido que mais cresceu no período que antecedeu o golpe militar.

Mesmo sem ainda possuir organização nacional, em 1945 elegeu 22 deputados (de 286); Em 1962, elegeu 105 deputados (de 409), ultrapassando a UDN e chegando perto dos 125 do PSD.

O PTB só não se tornou uma força hegemônica indiscutível porque o golpe promovido contra o Governo Trabalhista de João Goulart interrompeu a sua irresistível ascensão.

Sob a égide do Governo Vargas o País experimentou o maior salto desenvolvimentista de sua história.

Praticamente toda a infra-estrutura que permitiu o crescimento do País foi edificada nesse período acrescida dos avanços na área social e implantação de mecanismos que regulamentaram as relações de trabalho.

Foi o PTB que consolidou as organizações sindicais; implantou a Justiça do Trabalho; defendeu o direito de greve e da livre associação sindical; criou as férias remuneradas, descanso semanal e a carteira de trabalho.

Foi também o PTB que criou a Previdência Social, fez a CLT e foram conquistados o aviso prévio e indenizações por tempo de serviço.

Muito além dos discursos demagógicos e promessas fáceis é esse Partido altivo, incomparável em sua folha de bons serviços prestados a Nação Brasileira que segue fiel aos seus princípios basilares de intransigente defesa da classe trabalhadora e de harmonização entre capital e trabalho como fatores de desenvolvimento e justiça social.

O PTB é o verdadeiro Partido do Trabalho e do Trabalhador.

Muito nos honra pertencer aos seus quadros”.

Eduardo Seabra, presidente do PTB/AP “PTB: a 64 anos lutando pelo trabalhador brasileiro e defendendo a justiça social.

Os petebistas mato-grossenses tem orgulho de fazer parte dessa história, trabalhando pela união e fortalecimento do partido.

Parabéns PTB.

Parabéns trabalhadores brasileiros!” Francisco Bello Galindo (Chico Galindo), presidente do PTB/MT e vice-prefeito de Cuiabá “É na história do PTB, que encontramos exemplos para nos manter focados nos princípios que formaram o nosso partido.

Olhar o passado como exemplo, viver o presente com respeito e pensar o futuro como meta de dias melhores.

Isto é ser PTB.

Parabéns pelos 64 anos”.

Jonival Lucas, presidente do PTB/BA “Ressalto a felicidade de participar dos 64 anos de luta e trabalho do PTB, comemorados nesse dia 14 de maio de 2009.

Presido o PTB do Mato Grosso do Sul desde maio de 2008 e lembrou as garantias trabalhistas que o PTB conquistou durante esses anos e o empenho que temos feito na manutenção de tais garantias.

O PTB é o verdadeiro Partido dos Trabalhadores do Brasil.

Foi o PTB que implantou e garantiu a CLT, onde esta a grande maioria dos direitos dos trabalhadores.

O povo precisa saber disto.

O nosso partido participou ativamente dos dois maiores governos que o Brasil já teve em sua história recente, os governos dos nossos saudosos Presidentes Getúlio Vargas e Juscelino Kubitschek.

O Presidente Getúlio Vargas, fundador do PTB e Presidente da República pelo PTB, foi sem dúvida o maior Presidente que o Brasil já teve.

Foi ele o responsável pelas maiores obras e iniciativas já promovidas em nosso país.

Apenas para ilustras sito entre elas a Petrobras, a Siderúrgica Nacional, a Vale do Rio Doce entre outras tantas.

Note que são essas empresas ao lado do agronegócio, que até hoje, privatizadas ou não, sustentam e carregam o nosso pujante Brasil.

Isso deve ser enaltecido e divulgado a população por todos os Petebistas, pois fazemos parte dessa história de conquistas e realizações.

Sou obrigado a reconhecer, sou um apaixonado pelo PTB e por Getúlio Vargas e mais ainda, por tudo o que essas duas Instituições, PTB e Getúlio representam para o Brasil”.

Ivan Louzada, presidente do PTB/MS (http://www.

ptb.

org.

br/_tinyimg/roberto%20e%20marilia.

jpg) “O Partido Trabalhista Brasileiro tem mais de 60 anos de historia mas continua moderno e vibrante , defendendo os ideais trabalhistas de Getulio Vargas e contribuindo, com suas ações em todo o país, para a construção de um país com oportunidades para todos.

No Espírito Santo o PTB deu um salto de qualidade na sua organização,atraindo noos quadros e valorizando aqueles companheiros que sempre se engajaram na construção partidária.

Hoje, o PTB capixaba é um aprtido aberto ao diálogo.

É, na verdade uma obra de todos.

o PTB do Espírito Santo parabeniza nosso presidente Roberto Jefferson e todos os petebistas por mais uma ano de conquistas.

PARABENS PTB!” Marília Belotti, presidente do PTB/ES (http://www.

ptb.

org.

br/_tinyimg/pedrofernandes.

jpg) “Falar do Partido Trabalhista Brasileiro é falar de conquistas e fazer parte das comemorações de seu aniversário desperta em mim, como presidente regional, um sentimento ainda mais forte de luta pela efetivação de direitos dos trabalhadores.

Desde sua criação, a legenda sempre colocou nos holofotes o cidadão brasileiro e nunca se eximiu de enfrentar nenhum debate.

Por isso, sinto-me orgulhoso de fazer parte do PTB ainda mais agora, que o Brasil claramente vive um processo de consolidação e acomodação da democracia brasileira.

Ao longo dos anos o partido sempre se mostrou unido, concentrado e focado em suas metas, características que se consolidaram sob a direção do presidente Roberto Jefferson, em um momento só comparado com a época de sua criação em 1945.

Vida longa ao partido! Vida longa à Democracia! Parabéns PTB pelos seus 64 anos!” Deputado federal Pedro Fernandes, presidente do PTB/MA “Nesses sessenta e quatro anos de vida política, o PTB transformou-se num dos principais instrumentos de luta dos direitos dos trabalhadores brasileiros.

Tenho imenso orgulho de fazer parte da história deste vitorioso Partido.

Um partido de vanguarda, sempre a frente de seu tempo, que deixou uma marca indelével nas conquistas sociais do povo brasileiro.

Quero cumprimentar todos os membros, desde os pequenos diretórios aos componentes da diretoria e também ao atual Presidente, Roberto Jefferson, pelo belíssimo trabalho desenvolvido à frente do Partido Trabalhista Brasileiro.

Meu maior desejo, nesta data tão importante para nossa legenda, é de ver mais e mais pessoas associando-se a essa luta, aos nossos desígnios e, com grande certeza, a um futuro melhor para nossa sociedade”.

Senador João Vicente Claudino, presidente do PTB/PI “Neste 15 de maio, quando o PTB comemora 64 anos de lutas e conquistas na defesa do Trabalhador, devemos lembrar, sempre com entusiasmo, as origens do Trabalhismo Brasileiro.

Quando os ideais socialistas tomavam conta da Europa, em meados do século XIX, a Igreja Católica lançou os princípios do Solidarismo Cristão, com a edição da “Rerum Novarum”, encíclica que pregava a existência de duas forças propulsoras do desenvolvimento: o Capital e o Trabalho.

Depois, continuada pela “Quadragesimo Anno”, apregoava a harmonização das relações entre estas duas forças, refutando a luta de classes.

Nos primórdios do movimento revolucionário que levou Vargas ao poder, em 1930, o objetivo principal era o de transformar Brasil pós colonial numa economia de mercado, que acompanhasse o franco desenvolvimento dos países europeus e dos Estados Unidos.

Para isso, Getúlio enquadrou patrões e empregados, criou uma nova ordem de direitos e deveres e assegurou garantias inéditas aos trabalhadores.

Depois de seu primeiro governo, ao preparar seu retorno, Vargas reuniu pensadores como Alberto Pasqualini e Fernando Ferrari, criando o PTB em 15 de maio de 1945.

Este PTB seria e foi o responsável pela ampliação dos direitos trabalhistas e pela conformação do Estado Moderno Brasileiro, com a construção das primeiras grandes obras de infraestrutura do país: Petrobrás, CSN, Eletrobrás, Cosipa e tantas outras, que possibilitaram muitos anos de “milagre econômico”.

Depois veio a ditadura, mas o PTB, renascido no final da década de 70, recuperou seus direitos e reergueu-se.

Já na Constituinte de 1987, seus deputados e senadores garantiram a ampliação de vários direitos trabalhistas.

E o partido firmou-se nacionalmente.

Mas ainda faltava algo para termos novamente o PTB como agremiação de massa: o cidadão participando do dia-a-dia do partido, sentindo-se parte integrante e efetiva da atividade política.

Por isso modernizamos a relação do PTB com seus filiados, criamos 11 departamentos do PTB, representando vários segmentos da sociedade e agora, de forma inédita, criaremos vários Escritórios Regionais, que serão verdadeiros “quartéis-generais” da Democracia.

Nestes 64 anos de PTB, devemos parabenizar todos os nossos filiados, militantes, dirigentes e os nossos prefeitos, vereadores, deputados e senadores.

Devemos, também, lembrar nosso passado auspicioso e, seguindo as nossas tradições mirarmos a construção, no presente, de um futuro melhor para todos os Brasileiros.

Parabéns ao povo trabalhador do Brasil, parabéns Partido Trabalhista Brasileiro!” Deputado estadual Campos Machado, presidente do PTB/SP “Em 15 de Maio de 1945, surge no Brasil um partido político voltado à defesa dos interesses dos trabalhadores.

Getúlio Vargas foi seu fundador.

Estamos falando do Partido Trabalhista Brasileiro – PTB, cujo primeiro presidente foi Baeta Neves, amigo fraterno de Getulio Vargas.

O PTB é um partido que tem rastro histórico, um passado de experiências políticas que estimula indagações e reflexões importantes no presente.

O rastro histórico do PTB vai ao encontro do desenvolvimento do Brasil.

Hoje, os trabalhistas brasileiros buscam construir um estado trabalhista superando a hegemonia das políticas publicas neoliberais.

A crise financeira Global é a demonstração clara de que a política liberal do FMI, tanto por sua ineficácia econômica, quanto pelos chocantes conseqüências sociais, mostra que o homem passa a ser o centro das preocupações das políticas públicas.

Não pode haver nação na qual a economia vai bem, enquanto o trabalhador vai mal.

O homem sem trabalho é um animal miserável e sem dignidade.

Um ser excluído da sociedade.

Daí o PTB entender que um Estado trabalhista é aquele estruturado com a preocupação primeira de atender os trabalhadores.

Isto porque se pressupõe que todo ser humano é um trabalhador.

O PTB faz 64 anos, mas suas conquistas, desde o início de sua história, continuam vivas no mundo moderno: o salário mínimo, a indenização por demissão sem justa causa, estabilidade por emprego, Carteira de trabalho, férias remuneradas, criação dos sindicatos, 13º salário, aviso prévio, criação da justiça do trabalho, previdência social, multa de 40% de FGTS redução da jornada semanal de trabalho de 48 para 44 horas, pagamento de mais 1/3 do salário das férias, aumento do valor das horas extras de 25 para 50% do valor da hora mensal de trabalho, extensão integral dos direitos trabalhistas ao trabalhador rural, extensão parcial dos direitos trabalhistas à empregada doméstica, equiparação dos direitos trabalhistas do trabalhador avulso aos do trabalhador com vinculo permanente, etc.

Para o PTB, justiça social é dinheiro no bolso do trabalhador.

Por isso, o PTB não aceita mexer nos direitos conquistados pelo trabalhador.

Por isso, o PTB é a favor do fim do fator previdenciário.

PARABÉNS PTB, ÉS UM ORGULHO PARA OS BRASILEIROS!” Deputado estadual Marcus Vinícius, presidente do PTB/RJ (http://www.

ptb.

org.

br/_tinyimg/canziani3.

JPG) “É com imensa satisfação que envio minhas mais sinceras congratulações ao Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) pela passagem do seu aniversario no próximo dia 15.

O PTB, que fará 64 anos, surgiu como principal resposta aos anseios da população por um sistema político que, não obstante a necessidade de captação de recursos externos, privilegiasse o capital nacional e desse garantias ao trabalhador por meio de uma legislação regulamentadora de seus direitos.

Muito me orgulha fazer parte deste partido que nasceu junto com uma nova Constituição de 1946 e colocou como fundamento a ênfase especial na valorização da força de trabalho.

Sou petebista há seis anos e atualmente presidente do PTB em Londrina; eu vejo o partido como um legitimo representante das bases sólidas de respeito à classe trabalhadora, e o instrumento para o desenvolvimento econômico e para a justiça social” Deputado federal Alex Canziani, presidente do PTB/PR “Como Presidente do Diretório Estadual de Minas Gerais, Quero manifestar meu orgulho em participar do Partido que não é o maior, mas, simplesmente é o melhor do Brasil”.

Parabéns PTB por seus 64 anos de glórias e conquistas.

Deputado estadual Dilzon Melo, presidente do PTB/MG “Saúdo 64 anos de fundação do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), completados nesta data.

A filosofia de nossa agremiação continua moderna e conta, atualmente, com mais de um milhão de filiados e com políticos comprometidos com a população.

Este partido teve como criador Getúlio Vargas e sua filosofia continua sempre moderna: a articulação entre o capital, isto é, o empregador, e o trabalhador, garantindo a este justamente as questões trabalhistas fundamentais, como décimo terceiro, salário mínimo, férias e todas as garantias trabalhistas que foram asseguradas à época de Getúlio”.

Senador Mozarildo Cavalcanti, presidente do PTB/RR