Prof. Néviton Moraes aponta educação em período integral como essencial

PTB Notícias 22/11/2011, 7:54


A formação do adulto do futuro depende de como são tratadas as crianças de hoje.

“E não é discurso político.

É prática.

As transformações sociais só ocorreram, em diferentes épocas e países, através da educação”, afirma o vereador Professor Néviton Moraes (PTB-MT), segundo secretário da Câmara de Cuiabá (MT), ao avaliar como essencial a construção dos Centros de Educação Infantil para que as crianças de hoje, que serão os adultos de amanhã, fiquem na escola em período integral.

Com a experiência de mais de duas décadas no ensino público da Capital, Professor Néviton lembra que as notas registradas por centenas de faculdade, muito abaixo da crítica, segundo dados do Ministério da Educação, numa análise geral, apontam para o fiasco no tratamento dispensado ao antigo ensino fundamental e médio.

“Desleixo e falta de investimentos, no passado, representam essa falta de bons resultados, na atualidade”, analisa Néviton.

Néviton crê que o melhor indicador de que o ensino em período integral serve para melhorar a educação está no próprio Índice Geral dos Cursos (IGC), executado pelo MEC, onde centenas de faculdades 683 receberam notas 1 e 2, inclusive algumas de Mato Gosso.

É por isso que Professor Neviton afirma ter insistido com o prefeito Francisco Galindo Filho (PTB) para que iniciasse, neste mês, a construção, simultânea, de sete Centros de Educação Infantil, na Capital.

Professor Néviton avalia que os Centros de Educação Infantil estão sendo construídos em algumas das regiões mais necessitadas de Cuiabá.

Ele aponta que serão construídos em bairros distantes da área central de Cuiabá: Jardim 1º de Março, Nova Esperança, Real Parque, Centro América, Jardim das Aroeiras, Três Barras e Pedra 90.

Os centros serão construídos com recursos do Programa Nacional de Reestruturação e Aparelhagem da Rede Escolar Pública de Educação Infantil (Proinfância), no valor de R$ 8 milhões.

“Num primeiro momento, aproximadamente 1,6 mil crianças serão atendidas pelos novos centros e isso significa igualdade de oportunidade para milhares de famílias que, sem a educação integral, dificilmente conseguiriam melhorar de vida”, completa Néviton.

Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações do Portal da Câmara Municipal de Cuiabá