Projeto de Cavalcanti estimula o uso de fontes renováveis de energia

PTB Notícias 8/04/2016, 8:10


Está em análise na Câmara dos Deputados projeto do deputado Adalberto Cavalcanti (PTB-PE), que pretende estimular a instalação de equipamentos que utilizem fontes renováveis de energia em imóveis residenciais, comerciais e industriais, entre outros (PL 3091/15).

O projeto determina que – dos 0,25% da receita operacional que as empresas de distribuição de energia elétrica já têm que aplicar em programas de eficiência energética no uso final – a prioridade seja subsidiar e incentivar a implantação de equipamentos que reduzam a energia gasta ou gerem energia renovável nas unidades consumidoras.

Adalberto Cavalcanti cita aquecedores solares de água, lâmpadas e geladeiras mais eficientes entre os equipamentos para a redução da energia demandada pela unidade consumidora à rede da distribuidora.

Já para a geração de energia elétrica distribuída a partir de fontes de energia renováveis, ele destaca painéis fotovoltaicos e turbinas eólicas.

O parlamentar citou dados da Empresa de Pesquisa Energética (EPE) segundo os quais, no ano 2000, as fontes renováveis respondiam por 44% da oferta de energia no Brasil.

“O mesmo relatório informa que a participação das fontes renováveis na matriz energética brasileira chegou a atingir, em 2009, o percentual de 47,3%.

Porém, desde então, esse percentual vem caindo a cada ano, chegando em 2014 aos 39,4%” explicou Cavalcanti.

Ele destacou que apresentou o projeto justamente para tentar reverter “essa indesejável tendência de queda” da participação das fontes renováveis na oferta interna de energia.

Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações da assessoria da Liderança do PTB na Câmara dos DeputadosFoto: Jotanic/Câmara dos Deputados