Projeto de Dunga Junior busca valorização de tradições locais da Paraíba

PTB Notícias 18/07/2009, 8:51


A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembléia Legislativa da Paraíba emitiu parecer favorável a um projeto de Lei, de autoria do deputado Dunga Júnior (PTB), que dispõe sobre a obrigatoriedade dos municípios paraibanos contratarem para a comemoração dos festejos juninos bandas e artistas locais, valorizando assim a cultura e as tradições nordestinas.

De acordo com o projeto do petebista, os eventos organizados ou patrocinados pelo Governo do Estado, através de recursos físicos ou financeiros, no período comemorativo das festas juninas, deverão buscar resgatar a cultura nordestina tradicional, com participação de artistas ligados ao forró autêntico e valorização das expressões da cultura popular nordestina, como dança, artesanato, teatro e gastronomia.

Dunga Junior justificou seu projeto dizendo que nos últimos anos os festejos juninos paraibanos têm sido descaracterizados por outros estilos musicais, a exemplo de axé e sertanejo, e pela falta de apego a tradições representativas dos festejos de Santo Antonio, São Pedro e São João.

“Na verdade, os festejos juninos tomaram um rumo diferente, com apresentação de bandas que detrata o ser feminino com inúmeros adjetivos pejorativos.

Isso não condiz com as nossas tradições.

Onde fica a história de Jackson do Pandeiro, Luiz Gonzaga, Marinês e tantos outros artistas que transformaram o forró no nosso ritmo característico”, indagou.

“A festa junina deve retratar os costumes e as tradições de uma região, sobretudo do nordeste, tendo que ter tradição, sanfona, zabumba e triangulo”, acrescentou.

O deputado destacou também que o projeto proibi shows de bandas e quaisquer outros artistas que cantem ritmos não condizentes com a cultura nordestina legítima.

“O descumprimento aos dispostos da Lei acarretará a imediata rescisão do patrocínio do Governo do Estado, uma vez que é extremamente oportuno que os recursos públicos estaduais empregados nos festejos juninos sejam direcionados a resgatar os costumes e tradições locais”, sustentou.

fonte: site Vitrine do Cariri