Projeto de Gim estimula contratação de mulheres na construção civil

PTB Notícias 5/07/2013, 17:44


Segue para análise final na Comissão de Constituição e Justiça o projeto do senador Gim Argello (PTB-DF) que visa estimular a contratação de mulheres na construção civil.

A proposta altera a Lei de Licitações para exigir que obras e serviços contratados pelo governo tenham um percentual mínimo de 12% de mão de obra feminina.

Na Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa, onde o projeto foi aprovado na quinta-feira (04/07), também ficou determinado que um dos critérios de desempate nas licitações será a preferência por empresas em que mais de 30% dos empregados sejam mulheres.

Segundo o senador, as mulheres têm conquistado cada vez mais postos no mercado de trabalho, mas em alguns setores historicamente dominados pelos homens – como é o caso da construção civil -, ainda é preciso impulsionar a contratação de mulheres.

“Pouco a pouco, os canteiros de obra tem se transformado, mas ainda é estranho a muitos olhos a presença e, em muitos casos, a gerência de uma obra por uma mulher”, disse Gim.

Agência Trabalhista de Notícias (NM), com informações do site do senador Gim Argello (PTB-DF)Foto: Ariel Costa