Projeto de Nelson Marquezelli inclui drenagem linfática na rede pública

PTB Notícias 1/07/2007, 10:47


O deputado Nelson Marquezelli, do PTB de São Paulo, revelou nesta semana ter apresentado um projeto de lei que oferece, na rede pública de saúde, o uso da drenagem linfática para mulheres que realizam cirurgia de mastectomia.

Segundo o deputado petebista, a drenagem linfática é importante para ajudar o corpo a eliminar toxinas e a estagnação dos gânglios linfáticos, que podem causar dor.

A técnica visa transportar e remover o líquido de edema.

“Não se trata de técnica experimental, nem mesmo de técnica nova.

É uma técnica consagrada e de resultados reconhecidos.

Não existe razão para não disponibilizá-la àquelas pacientes que recorrem ao SUS, melhor dizendo, àquelas pacientes que só podem recorrer ao SUS.

Não há porque deixá-las sofrendo as conseqüências evitáveis da mastectomia”, afirmou o deputado Marquezelli.

O Projeto de Lei nº 780, de 2007, que se encontra atualmente tramitando na Comissão de Seguridade Social e Família, prevê que a drenagem linfática manual integrará o conjunto das ações de saúde a serem oferecidas aos pacientes pelos serviços ambulatoriais e de internação das unidades assistenciais de saúde.

Pelo projeto, a prática da drenagem linfática manual, nos casos de pós-mastectomia, com quadro de linfoedemas, será realizada por profissionais com formação superior em Fisioterapia, devidamente habilitados pelo respectivo conselho profissional.

“O projeto vai beneficiar aquelas mulheres que passaram por uma fase dificílima de sua vida e que não têm recursos para obter esse benefício de outra forma.

São milhares as brasileiras nessa situação”, finalizou Marquezelli.

Agência Trabalhista de Notícias