Proposta apresentada pelo petebista Fabio Camargo é aprovada na ALEP

PTB Notícias 7/07/2011, 13:32


O projeto de lei que regulamenta as diárias dos meios de hospedagem no Paraná foi aprovado, nesta terça-feira (05/07/2011), na Assembleia Legislativa, pelos deputados integrantes da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

Apresentada pelo deputado petebista Fabio Camargo, a proposta determina que as diárias tenham duração de 24 horas a partir do momento que o hóspede registre sua entrada no estabelecimento.

Atualmente no Paraná, há diversas maneiras de tarifar os hóspedes.

A maioria dos estabelecimentos usa o horário de entrada ao meio-dia.

O valor de uma tarifa cheia é cobrado no dia seguinte no mesmo horário.

Caso um hóspede entre uma hora antes ou saia uma hora depois, serão cobradas duas diárias.

“A lei beneficia a todos”, afirma Fabio Camargo.

“O hóspede pode programar sua chegada e sua saída sem correria.

Acaba aquele constrangimento de ficar esperando com bagagem na mão para dar o horário de entrada só para evitar pagar duas diárias, uma delas de uma hora.

Já para o estabelecimento a vantagem é que ele pode administrar melhor as vagas.

Terá mais quartos disponíveis e organizará melhor a rotatividade dos hóspedes”, sustenta.

Para se tornar lei estadual, o projeto ainda passará por mais uma comissão, antes de ser votado em plenário pelos deputados e seguir para sanção do governador Beto Richa, do PSDB.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações do site do deputado estadual Fabio Camargo (PTB-PR)