“PT quer cargos para financiar eleições”, diz Roberto Jefferson à Folha SP

PTB Notícias 5/02/2012, 12:12


Ao voltar a negar que o PTB seja o responsável pela indicação de Luiz Felipe Denucci para a Casa da Moeda, o presidente nacional do partido, Roberto Jefferson, mirou o PT, afirmando que a legenda tenta controlar os cargos de estatais com o objetivo de conseguir de suas fornecedoras financiamento para as eleições.

Folha – Mantega disse que foi o líder do PTB quem indicou Denucci para a Casa da Moeda.

Roberto Jefferson – Reitero que o líder [deputado Jovair Arantes] me disse e disse ao partido: que ele recebeu essa indicação do Mantega e só a chancelou.

O PT é bom para ser adversário.

Como aliado ele mete a faca nas suas costas.

Não põe no meu colo, no do PTB, que eu não vou deixar.

Pelo PTB ele não está nomeado.

Folha – Por que o governo, então, afirma que foi o Jovair? Roberto Jefferson – Não sabia que o Jovair assinava o “Diário Oficial”.

Que ele fazia ato nomeando gente para presidir Casa da Moeda.

E disse ao Jovair para parar de insistir em substituir esse cara, esse cara é burocrata ligado ao PT.

Que nós chancelamos.

Qual o interesse do PT na Casa da Moeda? Todo mundo está sendo esmagado.

É nítido.

Toda força que pode ter relação com gente que financia a eleição, Dnit, Dnocs, o que faz o PT? Chuta os caras para fora e bota o pessoal dele.

E vai asfixiando todo mundo na véspera da eleição.

E só tem um jeito de ganhar eleição: pedindo recurso às pessoas que têm interesses [em negócios com o governo].

O ministro diz que não tinha conhecimento das “offshores” de Denucci.

Ele não pode negar que ele sabia das irregularidades que se aventam contra essa pessoa.

Ele já sabia.

Vai abrir a sindicância agora? Ele tem esse documento há mais de um ano na mão! Só agora? É estranho, esquisito.