PTB de Belo Horizonte pode aderir à aliança PT-PSDB para eleger prefeito

PTB Notícias 7/02/2008, 9:53


Enquanto a tentativa de coligação entre PT e PSDB tem o desafio de evitar a resistência petista em Belo Horizonte, os articuladores – o prefeito Fernando Pimentel e o governador de Minas Gerais, Aécio Neves – ganharam o apoio do PTB.

O secretário geral do diretório municipal do PTB na capital mineira, Rodrigo Sousa, agendará, para o fim deste mês, reuniões com representantes nacionais e estaduais para articular o apoio, prevendo uma aliança nas eleições de 2010, e principalmente aumentar o número de vereadores na Câmara Municipal.

Para 2008, a idéia de candidatura própria em Belo Horizonte era defendida há meses por integrantes do PTB.

Agora, a executiva municipal anunciou ter revogado a resolução que vetava a costura de alianças eleitorais com o PT na capital, por ser oposição ao governo de Pimentel.

“Era nossa intenção lançar a vereadora Elaine Matozinhos como candidata, mas, perante o cenário que vem se formando com a aliança entre PT e PSDB e devido ao bom relacionamento que temos com o governo estadual, achamos interessante mudar nossa postura e apoiar os nomes cogitados”, afirmou Rodrigo Souza.

O dirigente acrescentou ainda que com o apoio o PTB ganhará mais espaço na Câmara de Belo Horizonte, principalmente no caso de uma vitória do PSDB e PT coligados.

No entanto, o dirigente assegurou que o PTB tomou esta decisão em apoio ao governador, já que atualmente faz oposição a Fernando Pimentel.

fonte: Jornal O Tempo (MG)