PTB de Diadema deve lançar candidato à prefeitura no próximo ano

PTB Notícias 20/06/2011, 7:25


De olho nas eleições municipais em 2012, o PTB de Diadema (SP) pretende lançar candidato ao Executivo.

O partido, porém, busca consenso em torno do nome de uma sindicalista.

Na semana passada, o presidente do PTB paulista, o deputado estadual Campos Machado, deixou escapar que a postulante é ex-secretária municipal e, atualmente, é diretora do Sindicato dos Engenheiros no Estado de São Paulo (SEESP).

A reportagem do Diário Regional apurou, na última sexta-feira, que a provável pré-candidata seja a presidente da delegacia sindical da entidade no ABC, Silvana Guarnieri.

“Temos vários possíveis postulantes.

Neste momento estamos formando a chapa de elementos bons e que queiram entrar na disputa.

Depois vamos conversar sobre a chapa de vereadores, prefeito e vice”, desconversou a presidente municipal do partido, a vereadora Marion Magali de Oliveira.

Enquanto Marion desconversa sobre o tema, Campos Machado já deixou claro que, pela primeira vez, o partido participará da disputa majoritária em todas as cidades do ABC no próximo ano, seja com candidato a prefeito, seja com postulante a vice.

“Não há hipótese de não ter candidato a prefeito ou a vice”, assegurou o comandante petebista, no que foi rebatido pela vereadora.

“Não sei como o Campos fica falando as coisas se ainda não existe nada fechado.

É o grupo que definirá se teremos ou não candidato ao Executivo.

Queremos entrar na disputa para ganhar e não apenas lançar candidato que não tenha a mínima condição de vitória”, disse a vereadora.

Questionada sobre se o partido já iniciou as conversas com o PT (do prefeito Mário Reali) para tentar garantir a indicação de vice, Marion disse que, por enquanto, o partido faz parte da base de sustentação ao governo e que, até setembro, terá uma definição sobre o assunto.

“Queremos direcionar tudo com antecedência.

Não queremos deixar nada para última hora”, revelou.

Atualmente, o partido está à frente das prefeituras de Santo André, com Aidan Ravin; e de São Caetano, com José Auricchio Jr.

Nas demais cidades do ABC, Campos Machado destacou que trabalha a pré-candidatura dos vereadores Antonio Muraki, em Ribeirão Pires; e Ozelito José Benedito, o Irmão Ozelito – ainda no PSB, mas apalavrado com o PTB – m Mauá.

Em Rio Grande da Serra, o deputado articula com o prefeito Adler Teixeira, o Kiko (PSDB), para indicar o vice na disputa à sucessão municipal.

Em São Bernardo, o petebista conversou com o prefeito Luiz Marinho (PT) e ouviu do petista a garantia de manutenção de Frank Aguiar como postulante a vice.

Agência Trabalhista de Notícias (LL) com informações do Portal Diário Regional