PTB de Ponta Porã (MS) anuncia projeto de candidatura própria a prefeito

PTB Notícias 5/06/2012, 6:54


Em reunião realizada na última sexta-feira, 01/06, em Campo Grande (MS), a Comissão Executiva Estadual do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), autorizou a presidente da Comissão Executiva de Ponta Porã, vereadora Lourdes Monteiro, a abrir canal de diálogo com todos os partidos do município, visando às coligações para as eleições municipais de outubro próximo.

Toda essa articulação tem como coordenador geral o odontólogo Anderson Monteiro, que assume assim a gestão política do PTB.

Em entrevista ao JORNAL REGIONAL, Anderson Monteiro afirmou que esse novo caminho traçado pelo partido “visa dar maior respeito e sobretudo, vigor político ao PTB nas eleições municipais deste ano.

“Estamos abrindo as conversações com todas as correntes políticas, respeitando a todos”, destacou ele.

Com isso, o PTB de Ponta Porã deve abandonar o projeto com o PR, já que o pré-candidato a prefeito da legenda vem negociando a vaga de vice com outros partidos.

A vaga era da vereadora Lourdes Monteiro desde o segundo semestre do ano passado, quando o PTB fechou acordo com o PR, mas as articulações tomaram novo rumo, já que o PR passou a oferecer a vaga de vice para outras legendas com o intuito de engrossar o leque de alianças.

Durante a reunião de sexta-feira na capital do Estado, a Executiva Estadual abriu inclusive caminho para que o PTB de Ponta Porã possa ter candidatura própria a prefeito ou prefeita, sendo que o nome da vereadora Lourdes Monteiro é a mais forte para entrar na disputa majoritária.

O encontro de ontem contou com a presença de João Carneiro, Presidente Estadual do PTB Jovem, de Claire Barbosa Presidente Estadual do PTB Mulher, Daladier Agi vice-presidente do PTB Estadual, da vereadora Lourdes Monteiro, de Walter Carneiro – Secretário do PTB Estadual e de Ivan Louzada, Presidente do PTB Estadual.

Essa sinalização de uma possível candidatura própria deixa evidente o descontentamento da vereadora Lourdes Monteiro com os rumos que a então aliança com o PR vinha tomando, já que publicamente o pré-candidato a prefeito mesmo tendo um acordo fechado e sacramentado, vinha negociando a vice com outros partidos.

Além disso, a vereadora e presidente do diretório municipal do PTB vinha tendo a imagem política prejudicada, já que o DEM, aliado do PR e consequentemente do PTB, requereu na Justiça Eleitoral a vaga da parlamentar na Câmara Municipal de Ponta Porã.

Neste fim de semana, as reuniões devem ser intensas visando as articulações em curso já com vistas às convenções partidárias.

Agência Trabalhista de Notícias (LL) com informações do Portal Fátima News