PTB Empresarial de São Paulo representa discussões do segmento em Brasília

PTB Notícias 26/07/2009, 12:40


São Paulo – Brasília, esse foi um percurso feito inúmeras vezes nas últimas semanas pelo PTB Empresarial, departamento especial do Diretório do Partido Trabalhista Brasileiro no Estado de São Paulo, que busca representar os interesses de empresários dos mais diferentes segmentos.

Uma das principais funções dessa divisão é estreitar as relações entre os empresários e Governo Federal, deputados e senadores.

Um dos últimos e importantes passos do PTB Empresarial foi levar a Brasília solicitações e preocupações de empresários dos segmentos de autopeças e motopeças em relação às tributações que recaem sobre os setores.

Como primeira ação na Capital Federal, o PTB Empresarial participou de uma reunião com representantes do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, intermediada pelo senador Romeu Tuma (PTB-SP) e pelo deputado estadual Campos Machado (PTB-SP).

Com muita receptividade, o Ministério abriu as portas para o PTB Empresarial e para representantes do segmento das autopeças e motopeças com o intuito de discutir assuntos de extrema importância como as PPBs, o IPI e a situação das importações.

Neste último caso, discutiu-se muito a concorrência predatória que vem ocorrendo nos segmentos de auto e motopeças com a entrada de produtos chineses no país.

A conversa transcorreu muito bem, com resultados surpreendentes para a indústria, principalmente pela disposição demonstrada no atendimento.

Todas as sugestões e indagações dos empresários foram encaminhadas para um trabalho um pouco mais detalhado, como a solicitação da equiparação do IPI nos segmentos de peças.

Nesta reunião, estiveram presentes Armando Meziat, secretário do desenvolvimento da produção, José Luiz Motta de Aveliar Azeredo, assessor especial do Ministro e Coordenador da Assessoria Parlamentar e Federativa, Nilton Sacenco Kornijezuk, diretor do Departamento de Setores Intensivos em Capital e Tecnologia e Elilde Mota Menezes.

PTB Empresarial atento à Substituição Tributária em São PauloO PTB Empresarial também se movimenta na esfera estadual para, juntamente aos empresários, lutar por importantes conquistas.

Exemplo disso foi a reunião com o ex-governador e atual secretário do desenvolvimento do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, para discutir a situação atual das empresas que vem sofrendo com a Substituição Tributária.

Na ocasião, foi solicitada a redução do ICMS das autopeças de 18% para 12%, para que as empresas paulistas consigam enfrentar de frente a concorrência com empresas de outros Estados.

Neste encontro estavam presentes, além do presidente do PTB Empresarial, Adalberto Nadur, representando o setor das autopeças, os diretores do departamento petebista Hélio Henrique Teixeira e Waldomiro Ramos.

Em outra ocasião, o PTB Empresarial foi ao encontro de representantes do Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendária).

Prontamente atendido, o presidente do PTB Empresarial Adalberto Nadur ainda teve a companhia do presidente da Anfamoto (Associação Nacional dos Fabricantes e Atacadistas de Motopeças).

O encontro foi realizado com a presença dos assistentes da Fazenda dos Estados e da Secretaria Executiva do Confaz.

O principal assunto discutido com a comissão foi a exclusão do capacete da Substituição Tributária, já que, pelo Código Nacional de Trânsito, o capacete não é apenas um acessório, mas sim um item de segurança indispensável ao motociclista, logo, deveria estar isento da tributação.

Apesar da alegação respaldada no Código de Trânsito e no exemplo dos capacetes da construção civil, que são isentos dessa tributação por serem itens de segurança, o debate ainda não chegou a um consenso, mas as portas continuam abertas para que essa discussão renda frutos positivos para todos os lados envolvidos.

fonte: site do deputado estadual Campos Machado (PTB-SP)