PTB firma dobradinha com o PMDB para as eleições majoritárias

PTB Notícias 30/09/2011, 22:21


O PTB Nacional e o PMDB de Mato Grosso do Sul firmaram parceria para as eleições majoritárias naquele Estado.

O acordo foi feito durante um café da manhã na capital Campo Grande, no Grand Park Hotel, pelo presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, pelo presidente do PTB-MS, Ivan Louzada, e pelo Primeiro Secretário da Executiva Nacional do PTB, Norberto Martins, com o governador André Puccinelli, do PMDB.

A legenda trabalhista no MS passa por reconstrução, tendo como propósito de obter bons resultados nas urnas em 2012, para trabalhar e estar fortificado em 2014.

“Nós juntarmos, agregarmos o nosso PTB à liderança do governador, para nós é muito importante, fecundo.

E o que eu lhe pedi? Que ele nos ajude a semear a semente do PTB.

Reconheço como presidente nacional do PTB a pujança do PMDB, é o maior partido do país.

Reconheço que o governador queira no estado fazer alguns ou muitos prefeitos ou a maioria deles nos municípios.

Mas pedi a ele um espaço para o PTB”, disse Jefferson.

“Nós estamos fechado com o governador, independentemente de quem seja o candidato e se for de outro partido, nós vamos caminhar com ele.

Chapa pura nossa só para vereador”, completou o presidente do PTB-MS, Ivan Louzada.

André Puccinelli salientou que eventualmente a dupla PTB e PMDB pode não conseguir ter coligações em todos os municípios.

Ele, no entanto, comentou que propôs a acertar com Ivan Louzada os interesses partidários da legenda trabalhista “e nossos na maioria, se não for possível, em todos os municípios.

” “O que houver de necessidade de apoio, o PMDB tem o aval do PTB sem sombra de dúvida para a maioria de vereadores e prefeitos, ser de um federal, de um estadual no futuro.

Tenho compromisso público para que os auxiliemos e não como parasitas”, afirmou o governador, acrescentando: “Semeamos sementinhas do PTB, do PMDB, semeamos sementes de árvores frondoas que, na mesma altura, estarão comandando o nosso estado”.

Agência Trabalhista de Notícias, por Felipe Menezes, enviado especial a Campos Grande (MS)Foto: Felipe Menezes