PTB reafirma compromisso com a inserção da mulher na política

PTB Notícias 15/07/2015, 19:28


O PTB realizou, na terça-feira (14/7/2015), uma grande mobilização em todo o país para, por meio de milhares filiações, promover a participação da mulher na política e aumentar o número de candidatas em 2016.

Promovida pelo PTB Mulher, movimento feminino da legenda, a ação faz parte de uma campanha de filiação ao partido, o “PTB mais Mulher”, que segue ininterrupta até 30 de setembro.

“Nós sabemos que só vamos mudar a política se tivermos a participação de mulheres corajosas, determinadas e a fim de fazerem a diferença, sendo competentes preparadas e fiéis.

São essas mulheres que nós estamos trazendo para que, no ano que vem, saiam candidatas em seus municípios, pois queremos ter, em nosso partido, o maior número de candidatas a prefeitas, vice-prefeitas e vereadoras.

Esse é o projeto do nosso presidente estadual e secretário-geral do partido [Campos Machado]”, afirmou a presidente nacional do PTB Mulher, Marlene Campos Machado.

A presidente do maior movimento de mulheres na política compareceu ao evento de São Paulo, que contou com a presença de mais de 300 pessoas, dentre lideranças, novas filiadas ao PTB e do secretário-geral do PTB e presidente em São Paulo, deputado estadual Campos Machado, que exaltou em seu discurso o papel da mulher na sociedade.

“Hoje são elas que acordam cedo, cuidam da casa, cozinham e ainda dão suporte moral para o marido.

Grande parte dos lares é sustentado por mulheres.

Elas trabalham mais que os homens, produzem mais, mas ainda são comandadas por homens”, disse Campos, criticando o fato de as mulheres serem ainda minoria nos cargos eletivos e na gestão das empresas.

O líder do PTB paulista também criticou o preconceito que as mulheres sofrem no meio político: “Quando se pergunta quem vai ser o candidato em uma cidade grande, sempre se pergunta quem é o candidato não quem é a candidata, já começa por aí”, disse.

“Mas nós estamos fazendo diferente.

Neste momento e nesta hora estão sendo realizadas reuniões para atrair as mulheres para a vida pública.

“No evento de São Paulo, o PTB, apenas na terça, recebeu cerca de 800 filiações e contou com a presenças de Mercedes Fraga (presidente do PTB Mulher de Paulínia), Joice Silva (vereadora de Taboão da Serra), Mamoru Nakashima e Jô (prefeito e primeira-dama de Itaquaquecetuba), Luiz Souto Madureira (secretário-adjunto do Estado de Justiça), Francisco Bonavita (presidente do PTB de Paulínia), Arlete Silva (secretária de Assistência Social de Taboão da Serra), Ilda Fazan (coordenadora dos CICs), Alan Leal (presidente estadual da Juventude do PTB), Priscila Peterlivtz (executiva estadual da JPTB), Marly Lamarca (presidente municipal do PTB Mulher de São Paulo), vereador Cadu Barbosa (Praia Grande), Marcia Bernardes (secretária de Educação de Atibaia e presidente do PTB Mulher), Maria dos Remédios (presidente do PTB Mulher de Praia Grande), Fernanda Brito (Vila Sabrina), Vera Machado (Ipiranga), Rejane Dias Torres (Brás), Andreia Úrsula e Francisca (PTB Inclusão Social), Izilda Rossi (presidente em exercício do Sindicato dos Nutricionistas de SP), Jurema (presidente PTB Mulher de Arujá).

“Hoje, em nosso partido e em todo o nosso país, sabemos que a mulher faz uma diferença muito grande e nós queremos que estas mulheres venham fazer parte do nosso partido, do nosso PTB.

Nós queremos que a mulher tenha vida partidária, que ela venha com propostas, com ideias, com projetos.

Nós não queremos mulheres apenas em época de eleição para preencher cota”, finalizou Marlene Campos Machado, ao entregar as fichas de filiação a Campos Machado.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações do PTB-SPFoto: Divulgação/PTB-SP