Reforma tributária pode promover desoneração na folha, diz Mares Guia

PTB Notícias 13/09/2007, 13:50


O ministro Walfrido dos Mares Guia (PTB/MG), da Secretaria de Relações Institucionais, disse nesta quarta-feira (12/09) esperar que até o fim de setembro a votação da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF) seja concluída na Câmara dos Deputados.

“A CPMF está no trilho certo, a imensa maioria do Congresso entende que ela é essencial ao governo e ao país”, avaliou o ministro, que no entanto manifestou posição desfavorável a um dos itens apresentados pelo relator da Proposta de Emenda à Constituição (PEC), deputado Antônio Palocci (PT-SP), o de fazer desoneração na folha de pagamento dos empregados como forma de compensar as perdas com a CPMF.

“O que mais gostaríamos no âmbito da reforma tributária é desonerar a folha.

Essa é a mais inteligente de todas as desonerações possíveis.

Temos dito reiteradamente que a CPMF não é o local de estudar as desonerações.

A desoneração que o governo deseja fazer é a da folha de pagamento e o espaço para isso é a reforma tributária”, afirmou o ministro, após almoço com o presidente da Câmara, deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP).

Na avaliação de Chinaglia “nesse momento ainda não é possível concluir que vá haver alguma desoneração que diz respeito à CPMF – é possível, isso está sendo cogitado e é negociado”.

Agência Trabalhista de Notícias (com informações da Agência Brasil)