Requerimento de Frei Valdair pede aumento de vagas de estacionamento

PTB Notícias 5/09/2013, 6:17


O vereador Frei Valdair de Jesus (PTB) apresentou um requerimento solicitando aumento do número de vagas na área azul em verde em Anápolis (GO).

Após ser lido e aprovado por unanimidade dos votos em plenário na Câmara Municipal, durante a sessão ordinária de quarta-feira (4/9/2013), o documento foi encaminhado para o departamento responsável pelo setor na Companhia Municipal de Trânsito e Transportes (CMTT).

“Ontem, junto com meus assessores, andei pelo centro da cidade e constatei que não tem fiscalização no estacionamento rotativo”, disse.

Segundo o petebista, tem motorista que estaciona o carro em uma vaga e seu veículo permanece por todo o dia no mesmo espaço sem usar o bilhete da área azul.

“A fiscalização é de responsabilidade da CMTT, e vamos cobrar que a autarquia cumpra seus deveres.

“O requerimento de Frei Valdair recebeu assinatura dos vereadores que participaram da sessão.

Para reforçar a importância de sua proposta, o parlamentar contou que atualmente existem 550 vagas de área azul, para carros, e apenas 80 espaços da área verde, para motos, em toda a cidade.

“Isso para uma cidade com quase 400 mil habitantes e com uma frota que ao final de 2012 somava mais de 208 mil veículos”, destacou.

O petebista sugere que a CMTT disponibilize pelo menos 1.

500 vagas de estacionamento pela área azul e verde no município.

Além disso, ele solicita que a fiscalização desses espaços seja eficiente.

“Essa é segunda vez que falo sobre a fiscalização falha.

Os recursos do estacionamento são encaminhados para a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, e sem a devida atenção, a Prefeitura deixa de arrecadar”, disse.

Frei Valdair também espera que sua solicitação seja atendida rapidamente.

Segundo ele, a CMTT deve apresentar critérios técnicos e plausíveis para responder o teor do requerimento.

“Mais uma vez eu repito, falta espaços para estacionamento na cidade.

Os clientes que vão as compras na área azul, ou verde, é que estão prejudicados com o serviço”, discorreu.

* Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações do portal da Câmara Municipal de Anápolis