Retrospectiva: Frank Aguiar quer vencer o preconceito em sua atuação

PTB Notícias 12/01/2008, 10:33


O deputado federal Frank Aguiar (PTB-SP) tomou posse na última quinta-feira (01.

02) na Câmara e tem como primeiro desafio vencer o preconceito contra sua carreira no mundo da música.

“Já me disseram que eu ia cantar em Brasília porque acham que é só isso que sei fazer.

Mas também recebi palavras de incentivo.

Não vou só ocupar uma cadeira, vou trabalhar de verdade pelo povo”, garantiu o deputado.

Filho do ex-vereador Xico Aguiar e irmão da ex-deputada estadual Marilene Aguiar, Frank demorou 10 anos para decidir se queria ingressar na política.

Durante esse tempo, o cantor se formou em Direito e visitou várias cidades para conhecer seus problemas.

“Quando ia a uma cidade fazer show, não ficava no hotel descansando.

Eu caminhava pelas ruas e conversava com os moradores”, conta o forrozeiro, que se sente pronto para o desafio.

“Não estou totalmente verde”.

SalárioO deputado Frank Aguiar disse ainda que vai se dedicar menos à sua agenda musical para mergulhar na política, mas que não vai abandoná-la.

“Durante a semana fico no Congresso e, nos fins de semana, faço meus shows.

Até porque tenho que sustentar minha família.

Tenho um padrão de vida e o salário de deputado não supre”, afirmou o petebista.

Frank Aguiar lamentou o fato de ter que abdicar de sua marca registrada na capital federal: o chapéu.

No plenário, Frank só pode usar terno e gravata.

“Vou abandonar meu chapéu até então inseparável”, declarou.

fonte: Jornal O Dia