Retrospectiva: Jovair Arantes escolhido novo Líder do PTB na Câmara

PTB Notícias 14/01/2008, 9:14


O líder do Partido Trabalhista Brasileiro, José Múcio Monteiro, anunciou que a partir desta quarta-feira, 31, está deixando a Liderança do partido na Câmara dos Deputados.

José Múcio convocou reunião da bancada do PTB, e apresentou o nome do deputado goiano Jovair Arantes para assumir a Liderança a partir do início da nova legislatura da Câmara, nesta quinta-feira, 1° de fevereiro.

O nome de Jovair foi aprovado pela unanimidade dos deputados do partido.

O presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, festejou a indicação de Jovair Arantes para Líder do partido, embora tenha lamentado a saída de José Múcio.

Segundo Roberto Jefferson, Múcio lhe disse acreditar já ter cumprido sua missão à frente da Liderança do partido, e que pretendia enveredar por outros rumos em sua carreira política.

O presidente do PTB lembra que a decisão sobre a liderança passou única e exclusivamente pela bancada de deputados do partido na Câmara, não havendo qualquer interferência do Diretório Nacional nem na saída de Múcio, nem na escolha de Jovair Arantes.

“José Múcio foi um grande líder para o PTB na Câmara dos Deputados.

Além de ser um brilhante articulador, inteligente e respeitado por todos, é um batalhador incansável em busca do entendimento e do consenso entre seus pares.

Apesar de não podermos mais dispor de sua liderança, estamos felizes em continuar a contar com o companheirismo de José Múcio aqui no Partido Trabalhista Brasileiro.

Ele é um homem honrado, correto, e que com sua larga experiência parlamentar, continuará sendo muito importante nas decisões do partido”, afirmou o presidente do PTB.

Roberto Jefferson saudou a escolha de Jovair Arantes para a Liderança do partido, principalmente por sua experiência como deputado federal e por possuir um perfil de hábil negociador.

“Acredito que Jovair – a quem desejo sucesso e muita sorte – irá conduzir, no plenário da Câmara, o sentimento, a voz e o pensamento do Partido Trabalhista Brasileiro”, finalizou Roberto Jefferson.