Roberto Jefferson critica resolução que dá poder ao MP de cassar mandatos

PTB Notícias 2/10/2009, 12:51


Leia abaixo comentários do Presidente Nacional do PTB, Roberto Jefferson, divulgados em seu blog na internet ( (http://www.

blogdojefferson.

com/) www.

blogdojefferson.

com) nesta sexta-feira (02/10):Os tutores da “democracia” Os rearranjos partidários que ocuparam os jornais esta semana ainda podem dar o que falar no Tribunal Superior Eleitoral.

Uma resolução administrativa do tribunal, apoiada, obviamente, pelo Ministério Público, diz que mesmo que o partido concorde com a desfiliação do político, o MP pode ainda sim pedir a cassação do mandato.

Se este entendimento prevalecer será criada no Brasil uma situação insustentável: o mandato deixa de ser do eleito, do partido ou do eleitor para se tornar propriedade do poder concursado.

Era só o que faltava.

.

.

Pau neles, “Vaccabrava”!Quero ver quando o Congresso vai ter coragem de enfrentar o MP, que trata com desprezo a atividade política, procurando, em cada ato de vazamento de processos sigilosos, se afirmar como poder sobre o poder representativo do Parlamento.

O Vaccarezza é contra o TCU, quando o “Vaccabrava” enfrentará o MP?Ciúme doentioA boa notícia é que há no TSE ministros dispostos a evitar o furto do mandato pelo Ministério Público.

O ministro Marcelo Ribeiro já sugeriu a revisão da resolução que dá ao MP a propriedade dos mandatos.

A proposta é apoiada pelo presidente da Corte, ministro Carlos Ayres Britto, que afirmou: “Se o partido não se sente traído, tenho dificuldade de entender por que o Ministério Público sentiria ciúme por ele”.

Mas é bom cortar logo as asinhas deste órgão tão ciumento, ou 2010 pode chegar já sub judice, ameaçado por querelas judiciais.

Começa a fazer água.

.

.

O barco PMDB-PT faz água por todos os lados.

O furo no casco aumentou esta semana graças às articulações da “habilidosa” senadora Ideli, que levaram o governador Luiz Henrique (SC) a fechar com o DEM; em Minas, Hélio Costa parece não querer só amizade com Aécio; na Bahia, Geddel e Wagner são água e óleo de dendê; em SP, Quércia já prometeu o dote para Serra; no Sul, o PMDB está de olho no PTB para derrotar Tarso Genro.

E por aí vai.

.

.

Sei não, mas do jeito que a maré vai, Zé Dirceu acabará tendo de fazer já-já um novo implante.

.

.

Melô da Dilma.

.

.

“Se a canoa não virar, olé-olê-olá, eu chego lá.

.

.

“.

.

.

E do Ciro”Créu, créu, créu.

.

.

“Favas contadasLembram da manchete de ontem do blog, “Fogo Fátuo”, de ontem? Pois vejam o abre da coluna Painel de hoje:”É guerraNa esteira do mau humor do Planalto com o Tribunal de Contas da União, o PT emplacou na Comissão de Fiscalização e Controle da Câmara um requerimento de informações capaz de promover uma devassa na atuação dos ministros do TCU.

No meio dos oito questionamentos, os petistas Devanir Ribeiro e Cândido Vaccarezza cobram dados sobre gastos com viagens, diárias, cargos de confiança e assessores nos últimos cinco anos.

“Todo mundo quer saber da nossa vida.

A gente quer saber da deles”, resume Devanir.

O partido conseguiu aprovar a ida à Câmara do ministro Aroldo Cedraz, relator do parecer pró-suspensão de obras do PAC.

Tentará ainda pôr em votação projetos que limitam o funcionamento do tribunal.