Roberto Jefferson diz que governo e oposição se unem contra aposentados

PTB Notícias 17/11/2009, 12:25


Leia abaixo comentários do Presidente Nacional do PTB, Roberto Jefferson, publicados em seu blog na internet ( (http://www.

blogdojefferson.

com/) www.

blogdojefferson.

com) nesta terça-feira (17/11):Falar é fácilEm uma reunião sobre segurança alimentar, em Roma, Lula acusou os países ricos de salvarem bancos, mas não os mais pobres.

O presidente só tem coragem de falar isso no exterior.

Afinal, como este governo, que gasta milhões para salvar montadoras, que ajuda banqueiros, que financia sindicatos e movimentos sociais, que fecha os olhos para os desvios de dinheiro público das ONGs dos sem-terra, pode querer criticar alguém? Da mesma forma que os países ricos não ajudam os pobres, no Brasil Lula abandona os aposentados, a categoria mais desassistida deste País.

Roto e esfarrapado (1)Por falar nos aposentados, leio no “Correio Braziliense” que o governador de São Paulo, José Serra, entrou em campo para pedir aos líderes do seu partido, o PSDB, que votem contra o projeto de lei que vincula os reajustes dos aposentados e beneficiários do INSS aos índices aplicados ao salário mínimo, além dos outros projetos que beneficiam a categoria.

A notícia não me surpreende.

Aliás, tenho falado há tempos aqui no blog que PT e PSDB se uniram para impedir não só a concessão de um reajuste aos aposentados que se equipare ao que é concedido ao salário mínimo (inflação mais o crescimento total do PIB em dois anos), como pela manutenção do Fator Previdenciário e a manutenção do veto do presidente Lula ao reajuste de 16,67% concedido em 2006 aos pensionistas.

É o que eu sempre digo: PT e PSDB só divergem na perfumaria, mas na essência são iguais.

Quando petistas e tucanos se olham no espelho, um vê a cara do outro refletida.

Roto e esfarrapado (2)E o ex-presidente Fernando Henrique, em entrevista publicada no último domingo no jornal espanhol “El Pais”, questionava: “Que diferença há entre o meu governo e o de Lula? Muito pouca”.

Concordo em gênero, número e grau.

E não há diferença principalmente na forma como ambos tratam os aposentados brasileiros.

Pergunte a qualquer pessoa que tenha se aposentado nos últimos 14 anos o que pensa das administrações do PT e PSDB.

Conversa pra boi dormirDiz o Valor Econômico que o governo quer deixar para 2011 o reajuste dos aposentados.

A desculpa da vez é que, por um lado, ainda não foi fechado um acordo com as centrais sindicais sobre o percentual que será aplicado para reajustar as aposentadorias, e, de outro, que o governo quer se concentrar na votação dos projetos do pré-sal.

Conversa fiada.

O acordo com as centrais não sai porque o governo quer que os aposentados desistam de aprovar o fim do Fator Previdenciário, e o pré-sal é apenas uma desculpa para que governistas e tucanos não tenham que aparecer na TV Câmara votando contra os pensionistas.

Se os jornais pouco se importam (afinal, a culpa do déficit público é sempre dos aposentados, segundo eles), nós aqui do blog estamos há meses de olho nas escaramuças do governo e da oposição para empurrar os aposentados com a barriga.