Romeu Tuma defende ação coordenada do Estado no combate ao crime

PTB Notícias 13/02/2008, 8:10


O senador Romeu Tuma (PTB-SP) afirmou que o aumento da criminalidade e da impunidade no Brasil só pode ser enfrentado com uma ação coordenada do Estado em todos os seus níveis.

Na opinião do parlamentar, que é policial de carreira, é necessário fundar uma nova forma de combater o crime para que “não aconteça em todo o país o que acontece nas favelas do Rio de Janeiro: um Estado paralelo, comandado por criminosos, dominando populações inteiras”.

Tuma lembrou que, nos últimos cinco anos, o estado de São Paulo registrou uma redução no número de mortes violentas, enquanto esses números são crescentes no Norte e no Nordeste do país.

Segundo o parlamentar, em Pernambuco, dos 8.

773 assassinatos ocorridos em três anos, somente 0,03% dos casos chegaram a julgamento.

– É o retrato cabal da falência da segurança pública.

Apesar de toda a retórica dos governos e do dinheiro gasto, o fato é que a criminalidade dobrou no Pará, entre 2000 e 2005.

O Rio de Janeiro e o Espírito Santo não conseguem fazer baixar suas taxas de delitos cometidos.

E Pernambuco aparece como o estado mais violento do país – disse Romeu Tuma.

fonte: Agência Senado