Ronaldo Santini discute situação financeira do RS com presidente do TJ

PTB Notícias 14/04/2016, 8:57


Representando a Comissão de Finanças, Planejamento, Fiscalização e Controle, da qual é presidente, o deputado estadual Ronaldo Santini (PTB-RS) esteve em audiência com o presidente do Tribunal de Justiça (TJ) do RS, desembargador Luiz Felipe Difini, para debater sobre a atual situação financeira do Estado.

O parlamentar busca a união de esforços dos poderes, a fim de construir soluções para a crise enfrentada.

Santini destacou que a crise vigente no Rio Grande do Sul não foi construída nos últimos quatro anos e sim vem sendo agravada ao longo de 30 anos, por isso, a solução precisa ser construída em conjunto, deixando de lado as divergências partidárias.

“É hora de encararmos a realidade de forma conjunta.

Por isso, estou sugerindo e convidando o Tribunal de Justiça para que, aproveitando o momento de prestação de contas dos Poderes, vá até o Parlamento para apresentar a economia realizada pelo órgão e discutirmos soluções capazes de vencer esse momento de recessão no Estado”, apontou, dizendo que o papel do judiciário tem sido de extrema importância no enfrentamento da crise.

O desembargador Luiz Felipe Difini assinalou positivamente ao convite e apontou que deve estar na Assembleia no dia 5 de maio para discutir o tema.

Também estiveram presentes o diretor do TJ, Ivandre Medeiros, assessores da Comissão, André Bloise Hochmuller e Jurandir Maciel, além do assessor técnico da Bancada do PTB, Elton Niedt.

Dentro desta busca por uma visão global, o trabalhista já realizou audiências com os sindicatos dos Servidores Públicos da Administração Tributária do Estado do Rio Grande do Sul (Sindifisco), Associação dos Fiscais de Tributos Estaduais do Rio Grande do Sul (Afisvec), Sindicado dos Técnicos do Tesouro do Estado do Rio Grande do Sul (Afocefe), gestor da Casa Civil, Márcio Biolchi, secretário da Fazenda, Giovani Feltes, Para a próxima semana, atendendo proposição do deputado Frederico Antunes (PP), os integrantes da Comissão deverão se reunir com o secretário do Planejamento e do Desenvolvimento Regional, Cristiano Tatsch, além de audiência com representantes do Tribunal de Contas, Ministério Público e Defensoria Pública.

Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações da assessoria da bancada do PTB na Assembleia Legislativa do Rio Grande do SulFoto: Divulgação/Assessoria