Rondônia busca sinal verde para transposição de servidores, diz Amorim

PTB Notícias 30/04/2007, 2:15


Durante despacho com o presidente Lula nesta segunda-feira (30/04), o ministro das Relações Institucionais, Walfrido Mares Guia (PTB/MG), levará um pedido especial de Rondônia: o sinal verde para que o Congresso Nacional aprove a transposição dos servidores estaduais, contratados na transição de Território para Estado para a folha da União.

O pedido dessa sinalização foi solicitado pelo deputado federal Ernandes Amorim (PTB/RO) e pelo presidente regional do PTB, ex-deputado Nilton Capixaba, ao ministro petebista, durante encontro na última semana, em Brasília, para que fosse articulado uma audiência, no dia 4 de maio próximo, do presidente com as bancadas federal e estadual de Rondônia, juntamente com o governador Ivo Cassol.

Nas duas casas do Congresso tramitam Propostas de Emendas Constitucionais (PECs): uma no Senado, de autoria da senadora Fátima Cleide (PT), e outra na Câmara, do ex-deputado Nilton Capixaba.

As PECs beneficiam cerca de 15 mil servidores de Rondônia e vai promover uma economia na folha de pagamento estadual estimada em R$ 32 milhões.

Há ainda uma matéria correlata à transposição: a Medida Provisória 341 que altera dez leis relacionadas aos servidores públicos, e tem como relator o senador Expedito Júnior (PR).

Para Amorim, o momento é garantir, com o Governo Federal, que a transposição seja efetivada.

“Por isso estivemos com o ministro Walfrido Mares Guia, de nosso partido, pedindo essa atenção especial, até para por fim nessa novela que se arrasta e enche de esperanças os servidores de nosso Estado.

Acredito que o governo vai resolver.

Por isso pedimos ao ministro que peça o sinal verde do presidente Lula.

Com ele, rapidamente a transposição será posta em votação e a base aliada com certeza dará os votos necessários à sua aprovação”, prevê o deputado.

Amorim acredita que a transposição esteja a poucos passos de se concretizar, dada a articulação dos sindicalistas e bancadas, o que já promoveu a criação de uma comissão especial para discutir a PEC na Câmara, após audiência com o presidente da Casa, deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), e que só falta o ok do presidente Lula .

“Temos esperança que na próxima semana deva sair algo promissor sobre a transposição”, diz Amorim, confiante.

Agência Trabalhista de Notícias (com informações do Tudo Rondônia)