Rony Alves assume presidência de CEI na Câmara Municipal de Londrina

PTB Notícias 28/02/2012, 7:13


Foi definida na tarde desta segunda-feira (27/02) a composição da Comissão Especial de Inquérito (CEI) da Camara de Londrina (PR) formada para investigar irregularidades na Educação Municipal.

O grupo será liderado pelo vereador Rony Alves (PTB).

Segundo Rony Alves, também autor do pedido da criação da CEI, o fato será comunicado na sessão ordinária de terça-feira (28).

Somente com a portaria concedida pelo presidente do legislativo, Gerson Araújo (PSDB) é que os trabalhos poderão começar.

De acordo com o Petebista, os fatos serão levantados sem que qualquer diferença política entre os vereadores e o prefeito de Londrina, Barbosa Neto (PDT) atrapalhe os rumos da investigação.

O grupo ainda não agendou o primeiro encontro, mas deve solicitar documentação da prefeitura para apurar irregularidades na aquisição de uniformes e livros didáticos.

Na sequência, os legisladores devem analisar os possíveis nomes de pessoas que serão intimadas a depor.

A compra da coleção “Vivenciando a Cultura Afro-Brasileira e Indígena”, por R$ 621 mil, foi questionada por entidades negras e também pelo Ministério Público (MP) de Londrina por apresentar conteúdo racista.

O MP, através da Promotoria de Defesa do Patrimônio Público, também questionou a licitação por carona de 34 mil kits de uniformes.

O caso também foi alvo de investigação da Procuradoria da República e também do Ministério Público (MP) em Londrina.

O procedimento custou aos cofres públicos R$ 6 milhões.

Agência Trabalhista de Notícias (LL) com informações do Portal O Dia Rio