Sá é autor de emenda que determina aumento do salário para aposentados

PTB Notícias 13/11/2011, 14:59


Segundo o Informativo nº 198 da Liderança do PTB na Câmara, representantes das centrais sindicais e aposentados cobraram no último dia 7, na Comissão Mista de Orçamento, um reajuste nominal de 11,7% no próximo ano para as aposentadorias e pensões do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) acima do salário mínimo.

A proposta orçamentária, enviada pelo Executivo, garante apenas a reposição da inflação, como determina a Lei 12.

382/11, que instituiu as regras para reajuste do salário mínimo.

O deputado Arnaldo Faria de Sá, do PTB de São Paulo, é autor de emenda que determina que pelo menos 80% do aumento real do salário mínimo seja repassado aos aposentados e pensionistas que ganham mais do que um piso.

Sobre a derrubada do fator previdenciário, o parlamentar petebista diz que a Câmara terá que votar o projeto que extingue o fator na totalidade.

“A proposta do governo de uma sugestão intermediária até agora não aconteceu.

Nós não podemos continuar nessa situação.

Hoje, quem se aposenta com esse maldito fator previdenciário perde cerca de 40% do benefício no caso dos homens.

Para a mulher, o prejuízo chega a 50%”, destacou Faria de Sá.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da Liderança do PTB na Câmara dos Deputados