Sabino reclama que McDonalds não enviou representante para audiência

PTB Notícias 10/07/2012, 11:07


O deputado federal Sabino Castelo Branco (PTB-AM) reclamou que a rede de lanchonetes McDonalds, embora convidada a participar de audiência pública proposta pela CPI do Trabalho Escravo, não enviou sequer um representante.

De acordo com informações da Rádio Câmara, o parlamentar petebista denunciou que os jovens trabalham em regime análogo ao trabalho escravo.

A Câmara analisa projeto que define o que é trabalho em condição análoga à escravidão, além de aumentar a pena para o empregador que for flagrado cometendo tal delito.

Arnaldo Jordy (PPS-PA), autor da proposta, acredita que a iniciativa vai ajudar a aperfeiçoar a PEC do Trabalho Escravo, aprovada na Casa.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da Rádio Câmara