Ronaldo Santini cobra contribuição dos bancos na reforma tributária

PTB Notícias 4/09/2020, 8:53


Imagem

Em audiência virtual da Comissão Mista da Reforma Tributária, o deputado Ronaldo Santini (PTB-RS) cobrou maior contribuição do sistema financeiro bancário na reforma. Durante o debate, representantes dos bancos, do agronegócio e do comércio reivindicam mudanças nas propostas em análise no Congresso Nacional.

“O meu único pedido é esse: que o sistema financeiro bancário também faça a sua parte, como os outros estão fazendo. Se todos nós vamos pagar essa conta e vamos ter que dividir esse ônus, se todos os setores vão ser, de alguma forma, penalizados nessa reforma – que é o que nos está parecendo nessas propostas até agora – eu só não vi, até agora, a contribuição do sistema financeiro, porque o sistema financeiro bancário só diz: ‘Aumentem a nossa carga e nós vamos repassar ao consumidor aos clientes’”, criticou o parlamentar.

Simplificação

Segundo Santini, não basta dizer que, se a carga tributária for aumentada, o custo recairá sobre o consumidor. Ele afirmou que a reorganização da matriz tributária brasileira é necessária para desburocratizar o peso da máquina e simplificar impostos e custos, especialmente para quem produz e gera empregos.

“O brasileiro quer saber, de fato, qual benefício que a reforma tributária trará para o seu dia a dia, assim como quanto isso vai custar. Se todos nós vamos dividir essa conta, o setor financeiro também precisa fazer a sua contribuição. No primeiro semestre deste ano, por exemplo, o Banco Bradesco teve o maior lucro líquido da América Latina entre as companhias abertas”, destacou.

Com informações da assessoria da Liderança do PTB na Câmara dos Deputados