Sasc e Prefeitura de Teresina discutem municipalização de serviços sociais

PTB Notícias 18/07/2011, 5:55


A Secretaria da Assistência Social e Cidadania (Sasc) e a Prefeitura de Teresina (PI) administrada por Elmano Férrer (PTB), deram início a discussões sobre a municipalização de serviços de assistência social, como atendimento a crianças com deficiência física e mental grave e às mulheres com problemas de drogas.

Na primeira reunião, proposta pelo Ministério Público, que aconteceu na semana passada, Estado e Município sugeriram a participação dos órgãos de saúde e dos conselhos no debate.

Dessa forma ficou definido um próximo encontro para o dia 10 de agosto para os entes apresentarem propostas para o problema.

A secretária municipal do Trabalho, Cidadania e de Assistência Social (Semtcas), Graça Amorim (PTB), ressaltou que a partir de um trabalho em conjunto, a aplicação de recursos pode ser mais eficaz.

“Se cada órgão tiver uma ação paralela apenas, isso pode até onerar os cofres públicos.

Daí a importância de buscar soluções compartilhadas entre os entes públicos”.

Mediador desse entendimento, o promotor Ruzsel Cavalcante disse que percebe esforço nas duas esferas de poder e que agora é necessário um redirecionamento das ações para atender tanto às crianças com deficiência física e mental grave quanto às mulheres usuárias de drogas.

A coordenadora do Centro de Apoio à Criança e ao Adolescente, promotora Leida Diniz, avalia a iniciativa do entendimento e integração dos serviços como louvável e ressalta a eficácia desta política compartilhada.

“Este é o caminho, até atendendo o que determina o Estatuto da Criança e do Adolescente, em que os serviços devem ser desenvolvidos pela União, Estado e Municípios”, finalizou.

Agência Trabalhista de Notícias (LL) com informações do Portal 180 Graus