Secretário Marcus Vinícius quer criar Política Estadual do Idoso no RJ

PTB Notícias 20/08/2013, 7:45


O secretário estadual de Envelhecimento Saudável e Qualidade de Vida do Rio de Janeiro, Marcus Vinícius (PTB), afirmou que vai buscar apoio para a criação urgente de uma Política Estadual do Idoso.

O anúncio foi feito durante a última semana, na posse dos novos membros do Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa, para a gestão 2013-2015.

“A concretização da Política Estadual do Idoso é um sonho de todos nós.

Ela é uma garantia de direitos que deve ser de Estado e precisa ser elaborada e cumprida”, afirmou.

O secretário prometeu fazer o contato com todos os órgãos responsáveis para que a criação da Política Estadual do Idoso seja garantida.

“Juntos iremos ao presidente da Assembleia Legislativa do Rio, Paulo Melo, e ao governador Sérgio Cabral, que também sempre lutaram pelos idosos.

Tenho certeza que todos vão se empenhar no projeto”, ressaltou Marcus Vinícius.

Segundo o secretário, o Rio de Janeiro, que é o segundo estado do país a ter uma secretaria estadual voltada especificamente para a terceira idade, vai sempre buscar ações para se antecipar às demandas dos idosos.

“São muitas as necessidades da população idosa que precisam ser definidas segundo competências estaduais e municipais.

Aqueles com 60 anos ou mais têm que ter em mãos uma política que garanta ações nas diversas áreas e que o instrua para saber de qual órgão deve cobrar determinado direito.

É preciso elaborar uma Política Estadual do Idoso com certa urgência mas, principalmente, com muita dedicação e cautela porque são inúmeros os pontos a serem pensados.

Nossa preocupação passa por assegurar cuidados aos idosos com baixo poder aquisitivo, orientar sobre aposentadoria e Benefício de Prestação Continuada e promover a saúde e a socialização, entre diversas outras ações”, explicou.

O anúncio do secretário reforçou uma demanda levantada pela coordenadora da Universidade Aberta da Terceira Idade (Unati), da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), Sandra Rabello.

Ela foi eleita, por unanimidade, a nova presidente do Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa (Cedepi), para a gestão 2013-2015.

Em seu primeiro discurso, além da criação da Política Estadual do Idoso, Sandra Rabello citou a necessidade do avanço do Fundo para a Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa (Fundepi) e a execução de uma rede de defesa e proteção contra a violação aos direitos dos idosos.

“Estamos todos juntos e daremos continuidade à luta pelos ideais por um envelhecimento digno e com qualidade de vida.

Vamos fazer valer as políticas vigentes em defesa da pessoa idosa e avançar em nosso estado na efetivação desses direitos”, disse Sandra Rabello.

A vice-presidente eleita foi a representante do Centro Brasileiro de Cooperação e Intercâmbio de Serviços Sociais (CBCISS), Rosely Reis Lorenzato.

* Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações do portal Folha de PetrópolisFoto: Folha de Petrópolis