Secretário Pedro Fernandes destaca ações realizadas à frente da Seduc

PTB Notícias 5/07/2013, 7:49


A avaliação institucional do período em que está à frente da Secretaria de Estado de Educação (Seduc) do Maranhão, as projeções para o próximo semestre e os investimentos no setor foram alguns dos assuntos tratados pelo secretário de Educação, Pedro Fernandes (PTB), durante entrevista concedida a uma emissora de rádio de São Luís (MA), nesta quinta-feira (4/7).

O secretário destacou que o 1º Encontro de Avaliação Institucional, realizado semana passada, foi positivo, pois mostrou que a Secretaria está trabalhando em diversas frentes com o foco na oferta de educação de qualidade.

“Com um trabalho focado de toda a nossa equipe e com o apoio da governadora, que diariamente nos cobra resultados, estamos trabalhando firmemente para que a Seduc seja considerada uma das melhores Secretarias de Educação do país, a longo e médio prazo.

É para isso que trabalhamos incansavelmente não só com a gestão escolar, mas também com a gestão administrativa”, disse Pedro Fernandes.

O secretário também destacou a conquista dos educadores com a aprovação do estatuto da categoria e a manutenção de benefícios assegurados pelo documento e explicou como irá funcionar o mapeamento funcional eletrônico da Seduc.

“Com o mapeamento, que começa a ser colocado em prática a partir desta sexta-feira (5/7) já em São Luís, vamos saber com exatidão onde faltam professores e quais disciplinas.

Com a ação poderemos atender com maior agilidade as demandas que aparecerem”, explicou o secretário enfatizando ainda que outro ponto que a Secretaria tem trabalhado é na mediação tecnológica.

“Com a mediação tecnológica vamos ampliar o nosso campo de ação e vamos atingir um público maior”, disse Pedro Fernandes, informando ainda que até o final do ano serão distribuídos para os professores da rede estadual 15.

181 tablets.

InvestimentosO secretário Pedro Fernandes também destacou investimentos que estão sendo feitos na reforma e construção de escolas e quadras esportivas com recursos federais e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

“No mês de junho, a governadora Roseana esteve em Brasília com a presidenta Dilma e com o ministro da Educação e garantiu recursos para educação no nosso estado.

Já licitamos esta semana a construção de algumas quadras e outras estão em análise.

Vamos, também, dar início à elaboração dos projetos para construção de escolas com recursos do BNDES.

Temos muito trabalho e estamos motivados”, declarou Pedro Fernandes, que destacou as parcerias que a Seduc tem feito em prol da educação no estado.

“Estamos com um grande trabalho com o PNUD (Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento), que definiu metas específicas para melhorar o sistema educacional do estado.

Contamos também com a parceria da Vale, Instituto Ayrton Senna e MEB.

Estamos estabelecendo rotinas de trabalho que irão refletir na gestão escolar e administrativa”, explicou.

O secretário também aproveitou a ocasião para explicar que as aulas perdidas no período da paralisação dos professores só serão repostas no final do ano, mas que a Seduc esta tomando providências para que os alunos que forem prestar Exame Naconal do Esnsino Médio (ENEM) não sejam prejudicados.

“O Sindicato da categoria não aceitou repor as aulas agora no mês de julho, por isso elaboramos um novo calendário em conjunto com a categoria, ficando a reposição para o final deste e início do próximo ano.

Estamos elaborando um plano de emergência para que os alunos que vão prestar ENEM recebam aulas de reforço e estamos estudando com a Univima um curso pré-vestibular para estes alunos”, disse.

* Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações do portal Bastidores