Senador Gim Argello (DF) dá parecer sobre acordo diplomático Brasil/Quênia

PTB Notícias 9/12/2011, 6:49


A Comissão de Relações Exteriores (CRE) do Senado Federal aprovou, nesta quinta-feira (8/12), texto de acordo entre o governo brasileiro e o governo da República do Quênia sobre o exercício de atividade remunerada por parte de dependentes do pessoal diplomático, consular, militar, administrativo e técnico, celebrado em 2010, em Nairóbi.

De acordo com o parecer lido pelo senador Gim Argello (PTB-DF), esse ato internacional permite o acesso ao trabalho aos familiares dos agentes diplomáticos e consulares, bem como de outros agentes públicos que se encontrem em missão oficial em país estrangeiro, que de outra maneira ver-se-iam obrigados a interromper a sua carreira profissional.

Argello lembrou ainda que o Brasil tem acordos semelhantes assinados com mais de quarenta outros países, acordos que refletem a tendência atual de extensão aos dependentes dos agentes das missões oficiais a oportunidade de trabalhar no exterior, permitindo-lhes o enriquecimento de sua experiência profissional.

Agência Trabalhista de Notícias (LL) com informações da Agência Senado