Senador Mozarildo Cavalcanti defende reforma política profunda

PTB Notícias 29/04/2014, 16:28


O senador Mozarildo Cavalcanti (PTB-RR) citou como exemplo de abuso praticado sob as atuais regras eleitorais o uso da máquina pública pelo ex-governador de Roraima José de Anchieta Júnior, que deixou o cargo para concorrer a uma vaga no Senado.

Segundo Mozarildo, o ex-governador “foi reeleito fraudulentamente em 2010” e chegou a ser cassado do cargo pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE), mas um recurso ainda aguarda julgamento no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Por isso, em pronunciamento no plenário nesta terça-feira (29/4/2014), o senador do PTB defendeu uma reforma política profunda, para mudar as atuais regras eleitorais e do sistema político.

“Nós temos que fazer pelo povo uma moralização da política através de uma profunda reforma política e eleitoral e não, como até mesmo se intitula, uma minirreforma eleitoral.

Ora, nós não estamos aqui para fazer minileis, minileis para isso, minilei para aquilo.

Nós temos que fazer alguma coisa que seja realmente respeitável e duradoura”, afirmou.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da Agência SenadoFoto: Waldemir Barreto/Agência Senado