Senador registra 70 anos de criação do território federal que originou RR

PTB Notícias 13/09/2013, 18:49


Em discurso nesta sexta-feira (13/9/2013), o senador Mozarildo Cavalcanti (PTB-RR) registrou a passagem dos 70 anos de criação do ex-território federal de Rio Branco, em 13 de setembro de 1943, e que veio a se tornar o estado de Roraima com a Constituição de 1988.

Segundo o parlamentar, não se pode esquecer das origens.

“Gostaria de cumprimentar as pessoas nascidas ou que adotaram Roraima para viver como sua terra.

Sinto-me feliz de ter entrado para a política para lutar pela nossa transformação”, disse.

Mozarildo fez um relato sobre a história política de Roraima, quando o presidente Getúlio Vargas, preocupado com as fronteiras brasileiras, criou cinco territórios, dos quais três viraram estados.

Se não fosse a visão do ex-presidente, avaliou, Roraima ainda seria município do Amazonas, a 900 km de distância da capital, Manaus, e enfrentando todas as dificuldades que essa separação traz.

Segundo o senador, desde a criação do território, seus governadores foram indicados por critérios políticos ou militares e, muitas vezes, a administração ficou a cargo de pessoas que nem sequer haviam estado na região até então.

De acordo com Mozarildo, o primeiro governador eleito pelo povo, que instalou de fato o estado, foi o brigadeiro Ottomar Pinto.

Ele já havia sido governador indicado.

Depois, veio Neudo Campos, Flamarion Portella, novamente Ottomar Pinto e o atual governador que, como ressaltou o senador, “lamentavelmente estagnou o estado por estar preocupado com outras coisas que não são dignas de um governador”.

“Pessoas que nem moram lá se apossaram do governo do estado, da prefeitura da capital, e isso tem criado um processo de retrocesso nos últimos anos”, lamentou.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da Agência SenadoFoto: Geraldo Magela/Agência Senado