Serys organiza PTB em municípios de MT e avalia candidatura ao Senado

PTB Notícias 21/10/2013, 7:32


Caberá à ex-senadora Serys Slhessarenko organizar diretórios municipais do PTB de Mato Grosso onde o partido ainda não possui uma organização nem estrutura para enfrentar as eleições de 2014.

Segundo Serys, existem cerca de 30 municípios sem diretório nem lideranças definidas para sustentar apoio aos pré-candidatos do partido.

“Eram 36 municípios nesta situação, mas seis a gente já organizou.

Eu pedi ao pessoal do PTB que me passasse uma lista.

Quero ir a estes municípios.

Quero deixar uma semente em cada um deles.

Como é que vai se fazer uma campanha se não tem nem o partido organizado?”, questiona.

Em entrevista exclusiva ao Olhar Direto, em Brasília, Serys afirma que quer aproveitar a oportunidade de conhecer as bases petebistas para avaliar sua possível pré-candidatura ao Senado.

Segundo ela, muitas pessoas têm pedido para que ela saia candidata.

Ela afirma que só decidirá seu futuro a partir de janeiro, mas não nega que o plano do partido é contar com Serys na majoritária e Luiz Antonio Pagot candidato a deputado federal.

“Primeiro quero organizar o partido O outro objetivo é conversar com as pessoas que estão me chamando no interior, onde o PTB está organizado.

Amigos, prefeitos, pedindo para eu ir (candidata).

Acho que agora eu tenho que cumprir.

Depois vamos ver lá para maio, ver o que é que dá.

Eu ao Senado e o Luiz Antonio Pagot a federal, provavelmente”, afirmou.

Questionada sobre a dificuldade do pleito de 2014, quando apenas uma vaga está em disputa, Serys diz que não teme a concorrência.

“Tem Wellington, Silval e eu.

Eu já encarei Carlos Bezerra, Jonas Pinheiro, Dante de Oliveira.

Eles tinham 75% e eu 2%”, recorda.

* Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações do portal Olhar Direto