Silvio Costa defende votação das propostas de reajuste de servidores

PTB Notícias 10/12/2011, 20:20


A Comissão de Trabalho da Câmara, presidida pelo deputado federal Silvio Costa, do PTB de Pernambuco, deve discutir e votar na próxima semana sete projetos de reajustes de servidores públicos federais.

De acordo com Sílvio Costa, a ideia é discutir e votar as propostas, mas não há acordo para a aprovação.

O presidente da Comissão afirmou, inclusive, que ele votará contra os reajustes porque eles não estão previstos na proposta de orçamento de 2012.

Em conversa com a Rádio Câmara, Sílvio Costa explicou que a intenção do governo era votar os projetos de reajustes dos servidores do Tribunal de Contas da União, do Ministério Público da União e da Câmara dos Deputados.

Mas ele decidiu que serão colocados em votação todos os projetos.

“Eu coloquei todos os projetos de aumento para não tratar iguais de forma desigual.

São todos servidores públicos federais, independentemente do Poder, seja Judiciário, seja Legislativo”, disse ele.

Já o deputado Alex Canziani, do PTB do Paraná, afirmou que houve um acordo na comissão com relação aos três projetos que o governo quer ver votados, mas que com relação aos outros, não há compromisso do governo sequer em discuti-los.

“Vamos conversar neste fim de semana e começo da semana que vem com a área do Planejamento e da Fazenda para ver se há espaço para a aprovação de algum deles.

Se não, vamos pedir vista ou retirada de pautas desses projetos”, disse Canziani.

Entre as outras propostas de reajuste de servidores que devem entrar na pauta da comissão na reunião da próxima quarta-feira, está o que reajusta os subsídios dos ministros do Supremo Tribunal Federal para 30.

675 reais.

Esse subsídio serve de parâmetro para estabelecer o teto salarial do funcionalismo.

Agência Trabalhista de Notícias (ELM), com informações da Rádio Câmara