Silvio Costa Filho prepara agenda para o primeiro semestre na Alepe

PTB Notícias 20/01/2016, 21:52


A Bancada de Oposição na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) já tem pronta a agenda de atuação do primeiro semestre de 2016.

A ideia é manter o calendário de visitas a obras, hospitais, escolas e outros equipamentos públicos para conferir a qualidade dos serviços prestados à população.

No roteiro do Pernambuco de Verdade – programa criado para confrontar a propaganda do Governo do Estado – estão o Agreste Meridional, Sertão do Araripe, Sertão do São Francisco, Sertão do Pajeú e Sertão Central.

No ano passado, estiveram na agenda o Recife e a Região Metropolitana, Zona da Mata (Norte e Sul), Agreste Central e Sertão do Moxotó.

Segundo o deputado Silvio Costa Filho (PTB), líder da Bancada de Oposição na Alepe, o programa Pernambuco de Verdade é uma importante ferramenta para conferir, no mundo real, como funcionam as ações e programas do Estado, longe dos estúdios e das peças de TV.

“Nas visitas que temos realizado, temos feito uma verdadeira radiografia do Estado.

E o que estamos vendo é uma situação de desalento, sobretudo nas áreas de saúde, segurança e educação.

“, destacou o parlamentar.

As outras linhas de atuação da Oposição são os pedidos de informação; que auxiliam o trabalho dos parlamentares na fiscalização do Governo, e as audiências públicas, onde são discutidas saídas para problemas enfrentados pelos pernambucanos.

Em relação aos pedidos de informação, a Bancada aguarda a resposta sobre o questionamento feito sobre o contingenciamento de R$ 920 milhões anunciado em 2015 e nunca detalhado pelo Executivo.

Entre as audiências públicas, a primeira deve ser sobre o contrato da Arena Pernambuco, questionada pelo Tribunal de Contas do Estado e em investigação pela Polícia Federal.

“Este ano, dando sequência ao trabalho desenvolvido desde o início da atual legislatura, vamos dinamizar a fiscalização do Poder Executivo nos âmbitos fiscal e administrativo, e continuaremos cobrando que as promessas de campanha feitas pelo PSB não fiquem apenas no guia eleitoral e no plano de governo”, destacou o parlamentar petebista.

Agência Trabalhista de Notícias (ELM)