STJ tem 12 mil processos prejudicados com ação de Hacker

PTB Notícias 9/11/2020, 14:34


Imagem

O Superior Tribunal de Justiça (STJ), na última terça-feira teve seu sistema informatizado invadido por uma ação de Hackers. Peritos do Tribunal temem que haja vazamento em massa de informações do STJ.

Na noite de quinta-feira (5), em transmissão ao vivo no twitter, o presidente da República, Jair Bolsonaro deu a entender que a Polícia Federal já identificou o responsável pelo ataque ao sistema de dados do Tribunal. Desta forma, foi necessário o bloquear a base de dados de processos em andamento.

A Polícia Federal continua investigando os desdobramentos da ação criminosa à rede de tecnologia de informação do tribunal, quanto à possível cópia de dados, bem como a extensão do acesso aos arquivos.

O STJ declara que até o momento, pelo menos 12 mil processos tiveram os seus julgamentos prejudicados.

Segundo fontes, já se sabe que outros sistemas oficiais também foram invadidos na sexta-feira (6), em Brasília; o do Ministério da Saúde, da Secretaria de Economia do Distrito Federal, e do Governo do Distrito Federal.

O Tribunal emitiu uma nota explicando que todas as medidas cabíveis já estão sendo tomadas e que a retomada gradual das operações dos sistemas, a partir do Sistema Justiça, principal sistema da Corte está funcionando normal nesta segunda-feira.

Com a atuação de peritos de informática, um inquérito foi instaurado, e a suspeita é de que o invasor teve acesso ao backup da base de dados do Tribunal , e fez o bloqueio da mesma, como também, implantou a criptografia nos materiais, exigindo resgate para liberá-los.

Foto: Reprodução/Reinaldo Zaruvni