Taxista assume como “prefeito por um dia” e visita obras com Duciomar

PTB Notícias 30/05/2007, 8:02


O taxista Reginaldo da Silva Ferreira, 52 anos, entrou no Palácio Antônio Lemos, em Belém, na última segunda-feira, (28), com a responsabilidade de administrar por 24 horas maior cidade da Amazônia.

No último dia 1º, ele foi escolhido por sorteio para ser “Prefeito por um dia” pelo prefeito petebista Duciomar Costa, que depois de homenagear os garis e feirantes, nos dois primeiros anos de governo, deu a oportunidade para um motorista de praça sentir na pele o que é gerir a capital paraense.

Depois de um café-da-manhã no gabinete, os dois saíram às ruas para fiscalizar obras prioritárias para a Prefeitura Municipal de Belém.

Desembaraçado, Reginaldo disse estar “muito feliz pela oportunidade” e que a experiência é válida para aproximar o cidadão comum da rotina e dos trabalhos no poder público.

“O cidadão comum, muitas vezes, tem dificuldade de entender como funciona o trabalho.

Não é tão simples como a gente imagina”, analisou.

Trabalhando há mais de 30 anos, conduzindo principalmente turistas , pois seu ponto é ao lado do Hotel Sagres, ele afirmou que as pessoas que chegam à Belém estão mais satisfeitas com a cidade.

“Elogiam.

Dizem que a cidade está mais bonita e limpa”, contou.

Antes de chegar à sede da Prefeitura, Reginaldo teve o cuidado de elaborar uma lista de sugestões ao prefeito Duciomar.

“São principalmente melhorias na área de saneamento.

Na minha opinião, Belém precisa destes trabalhos”, comentou.

A esposa do gestor temporário, Maria Emília Ferreira, 49 anos, acompanhou o marido nas formalidades que o cargo exige.

Feliz com o sorteio, ela revelou que a família planeja construir a casa com o salário de R$ 9 mil, concedido a Reginaldo no dia do sorteio.

“Queremos triplicar esse dinheiro, com a ajuda de Deus e muito trabalho e construir pelo menos dois compartimentos da nossa casa.

Quando chegar o verão a gente inicia as obras”, diz ela.

Os filhos Sandro Rogério e Sandra Regina, a nora Denise e os netos Gabriela, Rafaela e Miguel acompanharam o taxista pela manhã nas tarefas à frente da prefeitura.

O prefeito Duciomar Costa afirmou que se sente orgulhoso de homenagear os taxistas neste ano, pois são os “embaixadores da cidade”.

“São eles que recebem as pessoas que chegam à Belém.

São eles que convivem com os problemas e o lado bom da capital, que escutam elogios e reclamações no dia a dia”, declarou o prefeito de Belém.

fonte: site da Prefeitura Municipal de Belém (PA)