Telmário Mota cobra liberação de recursos para saúde em Roraima

Agência Trabalhista de Notícias 14/06/2017, 10:18


Imagem Crédito: Geraldo Magela/Agência Senado

O senador Telmário Mota (PTB-RR) protestou contra o fato de o governo federal não ter liberado recursos para o setor da saúde em Roraima. Ele informou que o Orçamento da União destina R$ 225 milhões para o Estado, dos quais R$ 107 milhões não foram liberados.

Segundo o senador, o pior dessa situação é que, embora a saúde em Roraima esteja em estado precário, não houve repasse de verbas federais para esse setor. De acordo com Telmário, já os recursos destinados ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) chegam normalmente.

“A malha produtiva no nosso Estado, de um modo geral, está intrafegável, mas o Dnit está pegando esse dinheiro para ampliar as rodovias federais”, disse.

Agricultura familiar

O parlamentar também lamentou a ausência de representantes do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) em reunião para tratar da agricultura familiar, na sexta-feira (9), em Rorainópolis (RR).

Telmário Mota lembrou que a agricultura familiar é de extrema importância para a economia nacional, sendo responsável por 38% da produção agropecuária e pela metade dos alimentos que compõem a cesta básica.

Com informações da Agência Senado