Tião Medeiros e governador do Paraná anunciam duplicação da BR-376

PTB Notícias 13/08/2015, 17:39


O trecho da BR-376, entre Paranavaí e Nova Esperança, no Paraná, será duplicado.

O anúncio foi feito na quarta-feira (12/8/2015) pelo deputado estadual Tião Medeiros (PTB-PR) e pelo governador Beto Richa (PSDB), durante evento realizado no Palácio Iguaçu, em Curitiba.

A obra de 33 quilômetros deve começar no ano que vem e vai beneficiar diretamente mais de 125 mil moradores de Paranavaí, Nova Esperança e Alto Paraná, além de mais 480 mil pessoas de 15 municípios da região.

“A duplicação da BR-376 é uma demanda antiga e uma grande conquista para a região.

Levamos o problema ao governador Beto Richa e reforçamos o pedido da obra.

Esta é uma das bandeiras do meu mandato, que venho trabalhando desde o início juntos aos órgãos competentes.

É com grande alegria que anunciamos esta obra que vai beneficiar mais de meio milhão de habitantes da região Noroeste”, disse Tião Medeiros.

“Há um grande fluxo de veículos, movimentação de cargas pesadas nessa rodovia, muitos acidentes com vítimas fatais.

Dentro dessa avaliação, anunciamos que está autorizada a duplicação da BR-376″, afirmou Beto Richa.

O tucano destacou que a autorização desta obra faz parte das negociações do governo do Paraná com a concessionária.

Segundo ele, a duplicação não implicará novas praças de pedágio nem degrau tarifário.

O projeto da duplicação será elaborado até o final do ano e, de acordo com o governador, as obras devem começar já no início do ano que vem.

O investimento é estimado em R$ 214 milhões e será feito pela concessionária Viapar, com a previsão de entrega em 2018.

A obra inclui sete trincheiras e viadutos.

O secretário de Estado de Infraestrutura e Logística (Seil), José Richa Filho, explicou que a continuidade da duplicação se dá pelo alto fluxo de veículos pela BR-376.

“Mais de 10 mil veículos passam pela rodovia hoje por dia.

Tecnicamente falando, um fluxo a partir de 8 mil veículos já se justifica a duplicação”, afirmou.

“Temos todos os embasamentos técnicos para poder trabalhar para que esta duplicação se torne realidade”, disse.

Participaram do encontro o diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR), Nelson Leal Junior; o diretor-presidente da Agência Reguladora do Paraná (Agepar), Cezar Silvestri; o presidente da Viapar, Camilo Carvalho; o presidente da Federação da Agricultura do Paraná (Faep), Ágide Meneguette.

Cerca de 100 pessoas, entre prefeitos, vereadores e lideranças de Paranavaí, Planaltina do Paraná, Nova Esperança, Alto Paraná, Terra Rica, São João do Caiuá, Rondon, Cruzeiro do Sul, Diamante do Norte, Guairaçá, Loanda, Porto Rico, Querência do Norte e Monte Castelo participaram.

Entidades da sociedade civil organizada como Codep, Associação de Engenheiros e Arquitetos de Paranavaí, Sindoscon, Aciap, Micropar, Sebrae, Fatecie, Rotary, Sindicato Rural de Paranavaí, Cica, CCS, enviaram representantes.

A BR-376 já passa por uma obra de duplicação de 22,6 quilômetros no trecho entre Mandaguaçu e Nova Esperança, também executada pela Viapar.

Iniciada em setembro do ano passado, os investimentos neste trecho chegam a R$ 145 milhões.

Fazem parte da obra a construção de um viaduto no trevo de acesso ao município de Atalaia, no entroncamento com a PR-218, além de nove passagens em desnível nos municípios de Mandaguaçu, Nova Esperança e em Presidente Castelo Branco.

Terá, ainda, seis retornos em nível, além de melhorias e implantação de vias marginais.

Em todo o Estado, mais de 400 quilômetros de rodovias passam por obras de duplicação.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da assessoria do deputado Tião Medeiros (PTB-PR)Foto: Orlando Kissner/ANPr