Tupã entrega chaves de casas a 402 famílias de Presidente Prudente (SP)

PTB Notícias 25/11/2014, 18:43


As fortes chuvas de sábado (22/11/2014) em Presidente Prudente (SP) não impediram que as 402 famílias contempladas com as casas do Residencial Cremonezi recebessem as chaves das moradias.

Em cerimônia realizada no sábado, o prefeito Milton Carlos de Mello “Tupã” (PTB) “concretizou o sonho da casa própria de muitos munícipes”, como dito por vários que receberam as chaves das residências.

Durante o ato, Tupã disse que a transformação dos sonhos em realidade só foi possível em razão da união de esforços.

Desta maneira, o petebista aproveitou a oportunidade para agradecer o trabalho da Caixa Econômica Federal (CEF), de secretários municipais e vereadores, também presentes na solenidade.

“Momentos assim são os mais felizes que vivo como homem público.

Que vocês façam deste bairro o patrimônio de vocês, que nos ajudem a cuidar dele”, solicitou aos futuros moradores.

O prefeito afirmou também que o governo municipal continuará buscando recursos para que sejam construídas mais unidades habitacionais do programa do governo federal Minha Casa, Minha Vida em Presidente Prudente.

“Talvez não consigamos zerar o deficit habitacional existente, mas vamos lutar para chegar perto disso”, expôs.

Presente no ato, o secretário municipal de Planejamento, Laércio Alcântara, contou que, com a entrega das 402 moradias do Residencial Cremonezi, o governo municipal conclui a primeira fase do Minha Casa, Minha Vida em Prudente, já que somadas aos dos demais conjuntos, sendo estes o Bela Vista I, Panorâmico e Tapajós, a administração contabiliza 1.

121 residências entregues às famílias prudentinas.

“Temos ainda um dos maiores conjuntos habitacionais em construção do Brasil, que é o João Domingos Netto, com mais 2.

343 casas.

Estamos construindo escolas, creches, ESFs [Estratégias de Saúde da Família], enfim.

A intenção é entregarmos o equipamento completo, dotado de toda infraestrutura para atender a necessidade das famílias”, frisou Alcântara.

Na oportunidade, as autoridades presentes reconheceram a disponibilidade e contribuição da família Cremonezi.

“Nós é quem devemos agradecer a prefeitura pelos investimentos feitos na cidade”, disse o representante da família, Ricardo Cremonezi.

Dando sequência na cerimônia, o presidente da Câmara Municipal, Valmir da Silva Pinto (PTB), que falou em nome dos vereadores presentes, disse que de cima do palanque era possível ver que “o perfil da cidade está mudando”.

“E participar deste momento [entrega das chaves] é muito importante.

“O deputado estadual Ed Thomas (PSB-SP), que também participou do ato, reconheceu o trabalho do prefeito Tupã para conquistar as moradias para Prudente e desejou que as famílias contempladas tenham prosperidade na nova residência.

Na mesma linha de raciocínio, o vice-prefeito Marcos Vinha cumprimentou todos e reafirmou que o governo municipal sempre dará continuidade ao trabalho iniciado em 2009.

“Que vocês tenham um bom Natal e um ano novo feliz sob o novo teto de vocês”, disseram.

Ao fazer uso da palavra, a superintendente regional da CEF, Célia Marisa Molinari de Mattos, argumentou que a chuva sempre traz coisas boas e que no ato da entrega das chaves ela simbolizou o bom momento às famílias.

Assim como os demais, reconheceu o trabalho da equipe que comanda bem como do governo municipal e dos vereadores.

Célia solicitou aos futuros moradores que denunciem quaisquer irregularidades.

“O imóvel tem que ser habitado por vocês, não pode ser emprestado, alugado ou vendido.

Contamos com a colaboração para que denunciem caso isso aconteça.

A casa tem que ser destinada realmente a quem merece”, explanou.

A primeira família que abriu a porta da nova casa junto com o prefeito Tupã se mostrou emocionada e disse que “agora a vida vai mudar para melhor”.

“É um sonho realizado.

A casa própria vai mudar minha vida e de meus filhos.

E tê-la aberta pelo prefeito Tupã foi algo maravilhoso”, disse Laurita Cordeira de Souza, de 44 anos.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da Prefeitura de Presidente PrudenteFoto: Divulgação/PMPP