Tupã: Lei de Atividade Delegada deve começar funcionar em 30 dias

PTB Notícias 24/07/2014, 16:01


O prefeito Milton Carlos de Mello “Tupã” (PTB) assinou na quarta-feira (23/7/2014), na Secretaria da Segurança Pública do Estado de São Paulo, junto ao secretário Fernando Grella Vieira, o último documento para que a Lei de Atividade Delegada em Presidente Prudente.

Assim, nos próximos dias a Secretaria Municipal de Assuntos Viários e Cooperação em Segurança Pública (Semav) deve começar a selecionar policiais militares, para que comecem a trabalhar em diferentes pontos do município em até 30 dias.

De acordo com Tupã, com a conclusão da Lei de Atividade Delegada tão logo os selecionados começarão atuar em cinco espaços públicos, sendo eles: Calçadão da Avenida Tenente Nicolau Maffei, Parque do Povo, Praça 9 de Julho, Terminal Rodoviário “Comendador José Lemes Soares” e Terminal Urbano.

“A intenção é melhorarmos a segurança em locais que concentram grande fluxo de pessoas, o que auxiliará, inclusive, o próprio trabalho da Polícia Militar.

Vamos começar nesses cinco locais, mas nada impede ampliarmos a lei”, informa.

Como já informado pela Secretaria Municipal de Comunicação de Presidente Prudente, o convênio entre o município e o governo de São Paulo, por meio da Secretaria de Segurança Pública, tem como objetivo a utilização dos policiais militares para prestar serviços em locais de competência do município visando incrementar a segurança da população e o trabalho de fiscalização no trânsito.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Presidente PrudenteFoto: Divulgação/Prefeitura de Presidente Prudente