Tupã prestigia inauguração da Sala de Radioterapia do Hospital do Câncer

PTB Notícias 7/10/2015, 7:04


O prefeito de Presidente Prudente (SP), Milton Carlos de Mello “Tupã” (PTB), participou, na manhã desta terça-feira (06/10/2015), da inauguração da Sala de Radioterapia “Thomaz Alckmin” do Hospital do Câncer de Presidente Prudente.

A solenidade, conduzida pelos presidentes da Fundação e do Conselho Deliberativo, José Hilário Pasquini e Francelino Magalhães, respectivamente, contou com a presença também do governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin.

O ato reuniu ainda os deputados estaduais Ed Thomas e Mauro Bragato, o Bispo Dom Benedito Gonçalves dos Santos, responsável por abençoar o local, além de procuradores, promotores, magistrados, vereadores, secretários municipais, profissionais da área da Saúde, imprensa, prefeitos da região e demais presentes.

Durante a cerimônia, Pasquini definiu a inauguração como uma data relevante à Fundação e à comunidade.

“Estamos entregando a Sala de Radioterapia, um tratamento que salvará muitas vidas”, expõe, completando que o ato é motivo de alegria.

“Inauguramos e já iniciamos o tratamento.

O hospital foi projetado para ser de referência e o serviço inaugurado hoje é de excelência, a máquina é moderna e esperamos em um curto prazo atender todas as pessoas que vão a outras cidades”, complementa.

Ao fazer uso da palavra, Magalhães reforçou os agradecimentos feitos por Pasquini a todos os presentes e envolvidos na obra do Hospital do Câncer.

“O hospital não tem dono, vamos passar e ele vai ficar aqui.

O que tem que permanecer é a solidariedade”, salienta, emendando que isso é apenas o começo e que o mais difícil é a manutenção.

“Vamos continuar precisando do apoio, perseverança e dedicação de todos”, pontua, acrescentando ainda que será construída uma Casa de Apoio às pessoas que necessitam fazer o tratamento contra o câncer com divisão para meninos, meninas, homens e mulheres.

Na oportunidade, o deputado Ed Thomas agradeceu o apoio do governador e disse que “construções ficam e mais importante ainda são aquelas que ficam para ajudar quem mais precisa”.

“Que o senhor [Alckmin] receba nosso respeito”, agradeceu.

O colega de bancada, Bragato, também enalteceu o apoio do chefe do Estado e de todos que colaboraram com o Hospital do Câncer.

“Prudente dá um salto à frente.

E saúde, além de saúde, é emprego”, pontua.

Em sua vez, o prefeito Tupã lembrou que a obra não é de Prudente, “mas sim regional”, e afirmou que o poder público é importante, “mas que sem a persistência de todos os envolvidos nada disso seria possível”.

“O grande mérito é a vocês que deram a vida pelo hospital”, elogia.

Além disso, o chefe do Executivo disse que a cidade está preparada para receber pessoas de toda região.

“Temos que melhorar também, sabendo que muitas vezes, além da estrutura local, essas pessoas precisam do calor humano.

Esse será o papel fundamental de todos munícipes prudentinos, receber todos que utilizarão o Hospital do Câncer com carinho, respeito e amor”, ressalta.

Mais que definir o momento como uma data relevante, Alckmin afirmou que é um dia histórico e que ao olhar o Hospital do Câncer disse “parecer um milagre”.

“O câncer é hoje a segunda causa com maior número de mortalidade.

Em 30 anos poderá ser a primeira.

Mas o mais importante é que é uma doença curável e que a radioterapia tem resultados maravilhosos”, destaca.

O governador reafirmou também que a Sala de Radioterapia já inaugura funcionando e atendendo quem mais precisa com o mais moderno acelerador linear.

“O trabalho agora é que começa.

Tão difícil quanto construir a obra, é o custeio.

A primeira tarefa é pedir o credenciamento Brasília no Ministério da Saúde.

Vamos ajudar, como já estamos ajudando, através do Programa Santas Casas Sustentáveis.

Estamos complementando a tabela do SUS [Sistema Único de Saúde] que é muito baixa para ajudar no custeio aqueles que atendem o SUS”, revela.

Com mais propriedade que as autoridades presentes, a primeira paciente atendida na Sala de Radioterapia, Vera Lúcia Zorzetto, 71 anos, disse que foi recebida com muito carinho e que o benefício (a Sala de Radioterapia) será estendido a muita gente.

“Muitos, que se encontrarão na situação de dor e aflição, poderão ser atendidos, socorridos e curados, se Deus quiser”.

Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações da Prefeitura de Presidente Prudente (SP)Foto: Divulgação/Secretaria Municipal de Comunicação