Valcir da Ademoc: escolas não estão prontas para alunos com deficiência

PTB Notícias 23/03/2012, 7:20


O vereador Valcir Soares (PTB), de Montes Claros (MG), que preside a Ademoc, uma entidade voltada para os interesses das pessoas com necessidades especiais, voltou a levantar, em plenário, a questão do despreparo das escolas para receber os alunos portadores de deficiência física.

Valcir da Ademoc disse que as escolas públicas não estão preparadas para receber os alunos com algum tipo de deficiência e que os prédios foram construídos sem a preocupação de que poderia ter alunos com deficiências físicas.

E antes mesmo de discutir assuntos como currículo a ser ministrado pelos professores, deve-se pensar em dar um treinamento necessário para os profissionais da educação, bem como fazer reforma nos prédios escolares, para que o deficiente tenha facilidade de locomoção.

Valcir disse que o governo federal quer a inclusão social desses alunos e que é um antigo desejo de todas as pessoas que têm algum tipo de deficiência.

Mas afirmou o parlamentar que não adianta abrir as portas das escolas para os deficientes, sem oferecer condições de locomoção.

“Eu entendo que já fomos mais excluídos, mas não basta somente o governo decidir que as portas das escolas tenham que abrigar o deficiente, tem que oferecer todas as condições.

Vale lembrar que 14% da população em Montes Claros são portadoras de algum tipo de deficiência e não tem tido o respeito devido por parte das autoridades”.

“Eu vejo que o prefeito Luiz Tadeu Leite (PMDB) está se esforçando para que essa situação seja de fato mudada, mas falta muito.

Na zona rural é simplesmente inviável para um aluno que tem uma deficiência nas pernas se locomover até o educandário e, pior ainda, quando ele chega não existem rampas, sanitário apropriado, corrimão para subir qualquer tipo de degrau.

Por isso é preciso que todos os educadores e secretaria Municipal de Educação façam um esforço concentrado para melhorar essa situação nas escolas municipais e em locais de difícil acesso.

Volto a fazer um apelo para que seja feito um estudo rápido para melhorar o ir e vir de todos nós que temos algum tipo de deficiência física”.

Ao concluir, Valcir disse que se deve fazer uma grande fiscalização nos prédios públicos para que sejam feitas as mudanças necessárias, para melhorar a vida do cidadão que precisa se locomover com mais agilidade.

Agência Trabalhista de Notícias (LL) com informações do Portal Gazeta Norte Mineira