Vera Castelo Branco apresenta denúncias contra prefeita de Ipixuna (AM)

PTB Notícias 11/12/2013, 7:17


Em pronunciamento na Assembleia Legislativa do Amazonas na terça-feira (10/12/2013), a deputada Vera Castelo Branco (PTB) denunciou a situação crítica em que se encontra o município de Ipixuna (a 1367 quilômetros da capital Manaus).

Vera afirmou que Ipixuna elegeu uma prefeita que “na verdade não passa de uma laranja, a senhora Aguiomar Silvério da Silva (PR), mas que, na verdade, quem governa mesmo é seu genro Gilssimar Saraiva”.

Para Vera Castelo Branco, “a hipocrisia no município é latente ao ponto de seu folclórico grupeto a denominar de a Mãe dos pobres e oprimidos.

Contudo, disse Vera, “na verdade ela é, sim, a mãe da prevaricação, da incompetência, do nepotismo e do caos que se instalou na cidade, com uma administração impraticável”, disse.

“O descaramento é tão grande que a própria prefeita admite a prática do nepotismo, uma vez que seus filhos e o genro atuam como pessoas de sua confiança, na administração municipal, contrariando a lei que proíbe a contratação de parentes na administração pública”, denunciou a deputada.

Vera declarou ainda que, mesmo diante das denúncias apresentadas nos meios de comunicação e no Ministério Público do Estado, a prefeita mantém todos os parentes empregados sendo pagos com os recursos da Prefeitura de Ipixuna.

O pronunciamento da deputada recebeu aparte favorável do deputado Belarmino Lins (PMDB), que afirmou que hoje não existe mais espaço para esse tipo de administração.

Finalizando, a deputada disse que vai apresentar denúncia contra essa situação no município de Ipixuna.

“Vou encaminhar as denúncias à Polícia Federal, Ministério Público Federal e demais órgãos do Estado”, afirmou.

* Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações da assessoria da deputada Vera Castelo Branco (PTB-AM) Foto: Alberto César Araújo/Aleam