Vera Castelo Branco garante ajuda a trabalhadores de Iranduba (AM)

PTB Notícias 16/10/2011, 9:58


A deputada estadual Vera Castelo Branco, do PTB do Amazonas, garantiu, na última terça-feira (12/12/2011), que com a inauguração da ponte sobre o rio Negro, que ligará Manaus a Iranduba, pelo menos 1.

200 trabalhadores estão ameaçados de perder seus empregos.

Segundo a deputada petebista, que solicitou Cessão de Tempo para discutir o assunto com a Associação dos Prestadores de Serviços do Município de Iranduba, o secretário da Região Metropolitana (RMM), Renê Levy, afirmou que a partir do dia 20, todos os trabalhadores e ambulantes que trabalham no local estarão sem emprego.

Para Vera Castelo Branco, a declaração de Renê Levy foi bastante infeliz, pois “parece que se esqueceu de toda a contribuição que essas pessoas deram ao governo ao longo desses anos”.

Ela indagou: “Como é que ficarão os pais e mães de família que ficarão desempregados?”.

O líder do governo, deputado Sinésio Campos (PT), garantiu que vai agendar uma reunião de todos os trabalhadores com o governador Omar Aziz (PSD) e garantiu que o governador em exercício, José Melo (PMDB) vai tratar do assunto na Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM) durante a audiência pública sobre telefonia.

Sinésio disse que vai convidar o prefeito do Iranduba, vereadores e secretários de Estado com atribuições específicas na Região Metropolitana para discutirem esse assunto.

Ele também garantiu que a preocupação do governo com o progresso daquela região é tão grande, que investirá R$ 164 milhões para duplicar a rodovia Manuel Urbano, estrada que vai ligar o Iranduba a Manacapuru e Novo Airão.

Agência Trabalhista de Notícias (ELM), com informações da Assembléia Legislativa do Amazonas