Vera Lúcia irrita-se com má vontade dos parlamentares amazonenses

PTB Notícias 13/07/2007, 11:44


A deputada estadual Vera Lúcia Castelo Branco (PTB/AM) se deparou mais uma vez com a má vontade dos demais parlamentares em aprovar a abertura da comissão especial de investigação para acompanhar as denúncias de irregularidades na prefeitura de Coari/AM.

Desde a sua primeira manifestação na Assembléia Legislativa do Amazonas, na posse como nova integrante da Casa, solicitou a abertura de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito), mas o pedido foi arquivado.

No último dia de expediente, nesta quinta-feira (12/07), antes do recesso de 15 dias, o presidente da ALE, Belarmino Lins, adiantou a votação de requerimentos pendentes, mas deixou para o mês de agosto o assunto sobre os supostos desvios de recursos público de Adail Pinheiro, prefeito de Coari.

“Lamento pela população de Coari que padece com a falta de interesse dos políticos de agir contra a corrupção nos municípios do Amazonas.

Mas saibam que vou até o final desta luta que resolvi abraçar.

Como delegada de carreira, quero que haja justiça neste caso e a condenação dos responsáveis por todos os trâmites fraudulentos, envolvendo notas frias, entre outras falcatruas”, declarou Vera.

O prefeito responde a mais de uma dezena de processos na Justiça e nos tribunais de contas por suspeita de improbidade administrativa e malversação de dinheiro público.

Segundo Vera, mesmo sendo investigado pela Polícia Federal, pouco foi feito para sua condenação.

Fonte: Jornal do Commercio