Vera quer levar ‘Educação no Trânsito’ ao ensino fundamental e médio

PTB Notícias 16/06/2014, 17:27


A deputada Vera Castelo Branco (PTB) apresentou na quarta-feira (11/6/2014), na Assembleia Legislativa do Amazonas, projeto de lei que dispõe sobre aspectos da Política Estadual de Educação no Trânsito, especialmente, por meio de aulas teóricas e de práticas simuladas nas escolas da rede pública de ensino do Estado.

De acordo com o projeto, o poder público estadual, em sua política educacional para o ensino fundamental e médio, promoverá a temática “Educação no Trânsito”, inserindo no projeto político pedagógico das unidades educacionais as informações de base dos direitos e deveres no trânsito.

Além disso, a proposta visa difundir aos estudantes dessas escolas noções sobre a importância da adoção de atitudes polidas, vislumbrando a redução de acidentes de trânsito, da poluição sonora, entre outros infortúnios.

De acordo com a deputada, esse é um meio de estimular os responsáveis pelas escolas a solicitarem palestras dos Centros de Educação no Trânsito da Administração Pública e ou conveniados, bem como a promoverem visitas dos alunos nos mencionados centros de educação no trânsito.

Terá como foco ainda envidar esforços para a realização de eventos em dias nos quais toda a comunidade escolar, especialmente, pais e estudantes, que poderão participar de aulas práticas simuladas sobre a temática “Educação no Trânsito”, além de promover eventos culturais na semana do dia 25 de setembro, “Dia Nacional do Trânsito”, como concursos literários abrangendo poesias, crônicas e contos que tenham como tema a “Educação no Trânsito”.

De acordo com Vera, instituições da sociedade civil organizada e entidades públicas, das três esferas de governo, poderão contribuir com sugestões, informações e recursos humanos e materiais para viabilizar a consecução dos objetivos desta lei, por meio da celebração de acordos, convênios e parcerias com o poder público estadual.

“As despesas decorrentes da execução desta lei correrão por conta das dotações orçamentárias próprias ou suplementadas, se necessário”, assinalou a deputada.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da assessoria da deputada Vera Castelo Branco (PTB-AM)Foto: Divulgação