Vereador Adilson Amadeu quer fim do rodízio de veículos em São Paulo

PTB Notícias 28/12/2007, 7:44


O vereador Adilson Amadeu, do PTB de São Paulo, vem defendendo nas últimas semanas que a restrição da circulação de veículos nos horário de pico na cidade de São Paulo já não surte efeito, e por isso é preciso, com urgência, buscar novas fórmulas para melhorar o trânsito na maior cidade do País.

Segundo o vereador petebista, o desrespeito ao rodízio gerou, entre janeiro e outubro desse ano, mais de um milhão de multas.

Adilson Amadeu entende que o motorista tem uma dificuldade cada vez maior de se planejar e cumprir os horários de restrição e rodízio de veículos.

“Nesse caso, o motorista não tem alternativa se ficar preso no congestionamento, e a multa acaba sendo injusta”, diz o vereador.

Para o vereador por São Paulo, o fim do rodízio não irá resolver os problemas da cidade.

Antes, será preciso retirar os mais de 2 milhões de carros irregulares ou em más condições que circulam livremente pelas ruas de São Paulo.

Para Adilson Amadeu, essa decisão já traria algum alívio para os motoristas.

A instalação de semáforos inteligentes, câmeras, chips, campanhas para o uso consciente do carro e a carona solidária são algumas das alternativas sugeridas pelo vereador.

“O próprio financiamento dos veículos precisaria ser revisto, é mais um incentivo para a ampliação exagerada da frota”, lembra Amadeu.

“O próprio usuário de veículos acaba modificando a sua rotina, buscando horários mais confortáveis.

O avanço da informática irá permitir também que muitos trabalhem em casa, conectados a empresa e ao mundo.

Isso já acontece em muitos lugares”, completa Adilson Amadeu.

Para ele, a melhor alternativa é investir no transporte público para oferecer serviços melhores e mais confiáveis.

“Se o setor de transportes mudar a imagem que tem, certamente vai atrair novos usuários”, finalizou o vereador petebista.

fonte: site do vereador Adilson Amadeu (PTB-SP)