Victor Cunha propõe revisão do regimento interno da Câmara de Belém

PTB Notícias 7/11/2013, 15:45


A revisão imediata do regimento interno da Câmara Municipal de Belém se torna imprescindível segundo o vereador Victor Cunha (PTB-PA).

Ele fez veemente apelo ao presidente da Casa, Paulo Queiroz (PSDB), para que comece a viabilizar essa revisão, tendo em vista discordâncias registradas em plenário, principalmente em termos de votações, devido à falta de atualização do regimento interno da Casa.

Victor Cunha observou que até esta data o regimento ainda trata o Poder Legislativo como se este fosse composto por 33 vereadores e não por 35, como é o correto.

Outro ponto contestado pelo vereador é quanto à votação para eleição da Mesa Executiva da Câmara, que o regimento determina que ainda seja em votação secreta.

Cunha diz que é sabido que há mais de 10 anos que a Câmara de Belém extinguiu este tipo de votação.

O vereador também fez considerações sobre a autorização para o prefeito e vereadores se ausentarem do estado.

Ele defende que o pedido tenha caráter de prioridade a exemplo das constituições estadual e federal, o que não é cumprido atualmente.

“Esta Mesa tem a responsabilidade de rever o regimento interno, já são mais de 10 anos”, alertou Victor Cunha.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da Câmara Municipal de BelémFoto: Câmara Municipal de Belém